US - R$ 3,73

×

Prefeitos irão se mobilizar para não perder FTI, diz presidente da AAM

Governo do Amazonas quer usar R$ 263 milhões do FTI para pagar salários atrasados de terceirizados que atuam em Manaus


Os prefeitos do interior do Amazonas não estão gostando da proposta apresentada pelo governador Wilson Lima (PSC) de ficar com R$ 263 milhões do fundo especial criado para desenvolver os municípios. Está agendada para 25 de fevereiro uma reunião entre os prefeitos, os deputados estaduais e técnicos do Governo do Amazonas para discutir a relação.

Andreson Cavalcante diz que prefeitos não querem perder nenhum recurso do FTI (Divulgação)

Na manhã desta terça-feira (12) a vice-líder do governo na Assembleia Legislativa (Ale-AM), Joana Darc (PR), informou que os técnicos da Secretaria de Fazenda (Sefaz) buscam “uma maneira legal” para que os recursos do FTI sejam usados com pagamento de salários e compra de insumos, como quer o governo. A mensagem do governo deve chegar ainda esta semana no parlamento.

Questionado pela reportagem sobre perder essa verba, o presidente da Associação Amazonense de Municípios (AAM) e prefeito de Autazes, Andresson Cavalcante (Pros), desmentiu o presidente da Comissão de Assuntos Municipais da Assembleia Legislativa, deputado Fausto Júnior (PV), ao afirmar que os prefeitos não aceitaram, ainda, perder o recurso.

“A gente quer dialogar com o governo, de modo que não seja uma decisão tomada da noite para o dia. Tem que ter diálogo. As prefeituras vão se mobilizar para não perder esse recurso. O interior  não pode perder esse recursos”, afirmou Cavalcante.

O presidente da AAM disse ainda que se o recurso pretendido pelo governo for usado somente para o pagamento de salários atrasados de trabalhadores terceirizados de cooperativas “não atenderá ao interior”.

“Não temos cooperativas nos hospitais dos municípios. Recebemos apenas os insumos da Susam. Os recursos são poucos e ainda querem retirar dos municípios para pagar investir na capital? Aí é difícil”, afirma Cavalcante.

Faça um comentário