Manaus, 13 de abril de 2024
×
Manaus, 13 de abril de 2024

Cidades

Prefeitura de Manaus realiza mais de 27 mil atendimentos no Jorge Teixeira

Ao longo de toda a manhã, a população pôde ter acesso a serviços de todas as políticas públicas desenvolvidas na capital amazonense.

Prefeitura de Manaus realiza mais de 27 mil atendimentos no Jorge Teixeira

(Foto: Valdo Leão/Semcom)

Manaus (AM) – Como parte das comemorações do aniversário de 35 anos do bairro Jorge Teixeira, na zona Leste, celebrado no último dia 14/3, a Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), realizou, neste sábado, 23/3, a 3ª edição do mutirão de serviço públicos “Manaus Mais Cidadã” de 2024, registrando 27,2 mil atendimentos na escola municipal Dr. Paulo Pinto Nery.

Como de costume, a ação reuniu mais de 30 parceiros, dentre secretarias municipais, estaduais, Organizações da Sociedade Civil e outras entidades do poder público, para oferecer à população vulnerável da zona Leste da capital mais de 100 serviços totalmente gratuitos.

“Não poderíamos, de forma alguma, deixar de escolher o bairro Jorge Teixeira para sediar a terceira edição desta mega-ação que é a ‘Manaus Mais Cidadã’. Este não é apenas um presente de aniversário para os comunitários, é também um trabalho de proporções nunca antes vistas em nossa cidade e que vem se tornando rotina graças aos esforços da gestão municipal em se aproximar cada vez mais da população e de sua realidade”, destacou o secretário da Semasc, Eduardo Lucas.

Ao longo de toda a manhã, a população pôde ter acesso a serviços de todas as políticas públicas desenvolvidas na capital amazonense, tais como inserção e atualização do Cadastro Único, orientação jurídica, serviços de saúde, licenciamento de veículos, emissão de documentação básica, regularização do IPTU, além de serviços de embelezamento.

Segundo o diretor do Departamento de Direitos Humanos e coordenador do programa “Manaus Mais Cidadã”, Moisés Gusmão, a terceira edição do mutirão representa uma resposta digna às demandas apresentadas pelos comunitários ao longo do último ano.

“Essa era uma demanda antiga do bairro Jorge Teixeira, de receber uma ação dessa magnitude e com tudo que o trabalho conjunto da Prefeitura de Manaus é capaz de oferecer. Poder trazer nosso trabalho em meio às comemorações do aniversário da comunidade é simplesmente gratificante”, afirmou.

Diferentes serviços

Entre as secretarias que se fizeram presentes durante a ação, o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) ofereceu orientação quanto a emissão da gratuidade para estudantes, sobre a emissão da credencial de estacionamento e ainda desenvolveu atividades lúdicas para as crianças presentes sobre regras básicas para a segurança no trânsito. A dona de casa Rosicléia Pereira Gomes, 41, moradora da comunidade Nossa Senhora de Fátima, na zona Norte, elogiou os serviços.

“Aproveitei para tirar a credencial de estacionamento. Foi tudo muito rápido e o atendimento, muito bom. Acho muito positivo esta iniciativa de trazer serviços aos bairros porque facilita muito o deslocamento”, frisou a dona de casa.

A Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) também esteve presente na terceira edição do “Manaus Mais Cidadã”, oferecendo a inserção no cadastro da gestão municipal para artistas locais e espaços culturais da cidade de Manaus, além de capitanear as atrações culturais da ação, como apresentações de break dance, do projeto “Capoeira na Raça” e da cantora Ianayra, que animou os comunitários com sucessos dos bois Garantido e Caprichoso.

“Todos sabem que cultura salva, transforma e modifica, então não poderíamos ficar de fora de uma ação como essa, trazendo nossos projetos parceiros, trazendo um espaço literário acessível para todos e trazendo também nosso cadastro de artistas, tão importante para o mapeamento destes profissionais em nossa cidade e elaboração de ações voltadas para a promoção cultural na capital”, destacou Wallace Almeida, diretor de Cultura da Manauscult.

Importância de atividades culturais

Angelo da Costa, mais conhecido “Mestre Buda” e responsável pelo projeto “Capoeira na Raça”, também destacou a importância de atividades culturais para as comunidades carentes da cidade de Manaus, elogiando a iniciativa da “Manaus Mais Cidadã”.

“A cultura tira o jovem da rua, a cultura tira o jovem do crime, a cultura muda vidas. Nosso projeto tem dez anos de existência, 25 alunos atualmente e muitas famílias que só têm a agradecer à capoeira, então é muito importante que projetos assim sejam apoiados e levados para mais cantos da cidade”, destacou o mestre.

Já o vidraceiro Eliomar Góes, 45, morador da comunidade Coliseu, compareceu à ação junto da esposa e de suas duas filhas em busca dos diferentes atendimentos médicos oferecidos pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e outros parceiros. Para o pai de família, o “Manaus Mais Cidadã” representa uma atenção ímpar do Poder Público para com aqueles que moram em comunidades mais afastadas das zonas centrais do município.

“Tudo o que precisávamos, desde corte de cabelo até serviços de pediatria e clínico geral, estava disponível aqui hoje. São ações como essa que facilitam a vida de quem mora em comunidades de difícil acesso, que facilitam a vida da minha família e de muitos outros. Só temos a agradecer”, afirmou.

Parceiros

O programa “Manaus Mais Cidadã” é coordenado pela Semasc e conta com o apoio das secretarias municipais da Saúde (Semsa), do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), de Limpeza Urbana (Semulsp), de Infraestrutura (Seminf), de Segurança Pública e Defesa Social (Semseg), de Administração e Planejamento (Semad), de Habitação e Assuntos Fundiários (Semhaf) e de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (Semacc), da Fundação Manaus Esporte (FME), da Fundação Municipal de Cultura, Eventos e Turismo (Manauscult), do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), da Fundação Dr. Thomas (FDT), da Casa Militar, da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman), da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), da Amazonas Energia, do Departamento de Trânsito do Estado do Amazonas (Detran-AM), da Polícia Militar do Amazonas (PM-AM), da Associação dos Registradores Civis das Pessoas Naturais do Amazonas (Arpen-AM), das agências da Organização das Nações Unidas (ONU) com escritórios em Manaus e Organizações da Sociedade Civil (OSC).

 

(*) Com informações da assessoria

 

LEIA MAIS: