MENU

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Príncipes Harry e William se unem para homenagear a mãe, princesa Diana

Os príncipes realizaram a homenagem à mãe no dia em que Diana completaria deu 60º aniversário, uma cerimônia fechada foi realizada
Da Redação – Portal AM1
• Publicado em 01 de julho de 2021 – 11:27
príncipes
Foto reprodução

INGLATERRA – Os príncipes Harry, 36, e William, 39, se reuniram pela primeira vez no mês para homenagear sua mãe, a princesa Diana, que completaria 60 anos nesta quinta-feira (1º). Os irmãos estiveram juntos na cerimônia de inauguração da estátua de Lady Di, no Palácio de Kensington, sua casa de infância.

“Hoje, no que seria o 60º aniversário de nossa mãe, nós nos lembramos de seu amor, força e caráter – qualidades isso a tornou uma força para o bem em todo o mundo, mudando inúmeras vidas para melhor”, declararam.

“Todos os dias, gostaríamos que ela ainda estivesse conosco e esperamos que esta estátua seja vista para sempre como um símbolo de sua vida e de seu legado”, continuaram os irmãos. Eles também agradeceram a seus associados por darem vida à estátua e ao jardim, e demonstraram carinho por “todos aqueles ao redor do mundo que mantêm viva a memória de nossa mãe.”

Esta foi a primeira vez que Harry e William se reuniram deste o funeral de seu avô, o príncipe Philip (1921 – 2021), que ocorreu em maio. Eles trocaram saudações com membros da família de Diana, como seu irmão Charles, Conde de Spencer, e suas irmãs, Lady Sarah McCorquodale e Jane Fellowes, Baronesa Fellowes.

Leia mais Bolsonaro assina DGO para combater crimes ambientais na Amazônia

Os planos para a construção e realização da estátua de Lady Di foram anunciados em fevereiro de 2017, já que se marcavam 20 anos de sua morte em um acidente de carro em Paris, quando ela possuía 36 anos. O evento desta quinta foi reduzido devido às restrições pela Covid-19.

Entre os participantes, estavam parentes próximos da princesa Diana, membros do comitê de estátuas, o escultor, Ian Rank-Broadley e Pip Morrison, o designer do Sunken Garden. Kate Middleton, esposa de William, não estava presente, e Meghan Markle, 39, esposa de Harry, também não compareceu.

Markle permaneceu na Califórnia, com os dois filhos do casal, Archie Harrison, de dois anos, e Liliet Diana, que nasceu em 4 de junho. A Rainha Elizabeth 2ª, o príncipe Charles e Camilla, duquesa da Cornualha, também não estiveram presentes.

A relação dos dois príncipes, e de Harry com a família real, começaram a apresentar tensões cada vez mais crescentes desde o início de seu relacionamento com Meghan Markle. Pontos como o casamento dos dois em 2018, renúncia do casal às funções na realeza em janeiro de 2020 e sua mudança para Los Angeles evidenciaram ainda mais as desavenças.

Em março deste ano, os conflitos foram abordados na entrevista polêmica concedida pelo casal a apresentadora Oprah Winfrey, que trouxe alegações de que Markle estaria com depressão durante seu período na realeza, e já chegou a cogitar suicídio.

Leia mais ‘Sem fim à vista’, diz diretora da OPAS sobre pandemia na América Latina

A duquesa de Sussex também acusou de racismo um membro não revelado da realeza, que teria expressado preocupação quanto ao tom da pele de Archie, 2, primeiro filho do casal. Também na entrevista, Harry falou sobre como seus familiares o deixaram por conta própria nos Estados Unidos, falando do corte de fundos financeiros reais imposto por seu pai, o príncipe Charles, 72.

Charles não deverá comparecer à cerimônia de inauguração da estátua em homenagem a princesa Diana. Segundo o jornal britânico The Times, ele não quer rememorar “velhas feridas”. Uma fonte disse à publicação que Charles considera “terrivelmente difícil” lidar com um evento que envolva a lembrança de sua ex-mulher.

“Esses momentos têm o potencial de fazer ressurgir velhas feridas e isso traz de volta memórias para ele: felizes, tristes e de arrependimento”, contou. “Desde a morte de Diana, ele sente que é melhor guardar essas memórias para si mesmo e deixar seus filhos com isso”, emendou a fonte ao jornal.

Após a entrevista, Harry retornou pela primeira vez ao Reino Unido para comparecer ao funeral de príncipe Philip (1921 – 2021), seu avô. Recentemente, o casal anunciou o nascimento de sua filha, Lilibet Diana. O nome da caçula faz referência ao apelido de infância da Rainha Elizabeth 2ª e também homenageia a princesa Diana.

(*)Com informações Folhapress

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap