Vettel lidera dobradinha da Ferrari no primeiro treino livre do GP da Bélgica
16 de maio de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Vettel lidera dobradinha da Ferrari no primeiro treino livre do GP da Bélgica

Líder do campeonato, o inglês Lewis Hamilton, que teve um problema no motor de sua Mercedes e precisou esperar mais de uma hora até resolver o problema

Vettel lidera dobradinha da Ferrari no primeiro treino livre do GP da Bélgica
(Foto: Divulgação)

A Ferrari parece ter retornado das “férias de verão” na Europa em alto estilo e com vontade de voltar a ser protagonista na Fórmula 1. Nesta sexta-feira, no primeiro treino livre para o GP da Bélgica, no circuito de Spa-Francorchamps, a equipe italiana fez a dobradinha com o alemão Sebastian Vettel na ponta, seguido pelo monegasco Charles Leclerc.

A melhor marca do tetracampeão mundial, que completou 20 voltas na atividade da manhã, foi de 1min44s574. O companheiro do alemão ficou com a segunda posição, terminando 0s214 atrás (1min44s788). Os pilotos da equipe italiana foram quase um segundo mais rápidos do que os adversários mais próximos, sendo os únicos a cravarem um tempo na casa de 1min44s.

Quem teve uma boa sessão foram os pilotos da Red Bull, que terminaram logo atrás das duas Ferraris. O holandês Max Verstappen terminou o treino em terceiro, com o melhor tempo marcado de 1min45s803, marca com a qual liderou boa parte da sessão. Estreante na equipe austríaca, o tailandês Alexander Albon conseguiu acompanhar o ritmo de seu companheiro, terminando 0s037 atrás do holandês (1min45s584).

Líder do campeonato, o inglês Lewis Hamilton, que teve um problema no motor de sua Mercedes e precisou esperar mais de uma hora até que a equipe conseguisse resolver o problema, ficou apenas na sexta colocação com 1min45s973, um pouco atrás do finlandês Valtteri Bottas, seu companheiro de time, em quinto com 1min45s882. O problema é que ambos ficaram mais de 1s300 atrás das Ferraris.

O primeiro treino livre na Bélgica teve seu momento “bizarro”. Ele foi causado pelo carro do canandense Lance Stroll. A Racing Point perdeu a tampa da carenagem do motor quando ele acelerava em uma volta rápida, causando um safety car virtual para limpeza dos detritos que se espalharam pela pista.

Veja também

Odair agradece torcida do Inter e pede apoio: ‘Temos Brasileiro’

Jorge Jesus rebate Renato Gaúcho, do Grêmio: ‘Melhor futebol é o do Fla’

Mercedes renova contrato com o finlandês Valtteri Bottas

O destaque negativo foi mais uma vez os dois carros da Williams. Os dois pilotos que participaram da sessão pelo time britânico – o canadense Nicholas Latifi e o polonês Robert Kubica – terminaram mais de quatro segundos atrás dos líderes e ainda protagonizaram rodadas na pista.

O segundo treino livre será disputado a partir das 10 horas (de Brasília) desta sexta-feira, mesmo horário da sessão de classificação no sábado. A largada do GP da Bélgica está agendada para as 10h10 de domingo.

 

(*) Com informações da Estadão Conteúdo

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

[email-subscribers-form id="1"]