Em Maraã, Luiz Moraes vai gastar mais de R$ 814 mil para construir praça

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

10 de julho de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Em Maraã, Luiz Moraes vai gastar mais de R$ 814 mil para construir praça

O extrato do contrato foi publicado no Diário Oficial dos Municípios (DOM) na última quinta-feira

Em Maraã, Luiz Moraes vai gastar mais de R$ 814 mil para construir praça
Prefeito do município, Luiz Magno Praciano Moraes (Foto: Reprodução/Internet)

Uma praça pública, que será construída no município de Maraã nos próximos 90 dias, vai custar o total de R$ 814.339,31 à prefeitura da cidade, que é de responsabilidade do prefeito Luiz Magno Moraes.

O extrato do contrato com a empresa P J CONSTRUÇÕES LTDA – EPP foi firmado após processo de licitação realizado na modalidade Tomada de Preços nº 005/2020.

Conforme o documento publicado no DOM, a contratação visa “construção de praça com iluminação e quiosque, e demais especificações e condições constantes no Edital”.

O contrato tem vigência de 90 dias, a contar da assinatura do contrato, iniciando no dia 23 deste mês e finalizado no dia 21 de setembro, deste ano.

O valor que será pago à empresa pelo prefeito de Maraã ainda consegue ser maior que o valor que deverá ser gasto pelo prefeito de Urucará, Enrico Falabella, que também pretende construir uma praça pública no município, mas por de R$ 404 mil.

Empresa

Em consulta ao site da Receita Federal, o Portal AM1 apurou que a empresa P J CONSTRUÇÕES LTDA – EPP, inscrita no CNPJ nº 03.341.826/0001-02, possui sede no município de Tefé. A principal atividade comercial da empresa é “construção de edifícios”.

Resposta

Procurada pela reportagem do Portal AM1, a Prefeitura de Maraã afirmou que se trata de um Convênio Federal com início dos trâmites em 2018. Além disso, afirmou, ainda, que o recurso foi liberado neste ano.

Em relação ao valor das obras, segundo a prefeitura, “é conforme projeto elaborado pelos engenheiros do Governo Federal”.

 

Confira documento enviado pela prefeitura

*Matéria atualizada em 03 de julho para acrescentar resposta da prefeitura

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias