'Tapa-buraco' em ano eleitoral custará quase R$ 3 milhões em Maués - Amazonas1

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

27 de setembro de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

‘Tapa-buraco’ em ano eleitoral custará quase R$ 3 milhões em Maués

Embora o serviço da contratação seja para pavimentação, a empresa contratada pelo prefeito de Maués se chama 'Pomar Comércio de Derivados de Petróleo'

‘Tapa-buraco’ em ano eleitoral custará quase R$ 3 milhões em Maués
Foto: Reprodução/Internet

O prefeito de Maués, Júnior Leite (PROS), vai contratar uma empresa de combustível por quase R$ 3 milhões para realizar serviço de pavimentação asfáltica nas ruas do município. O documento, que trata da possível aquisição, foi publicado no Diário Oficial dos Municípios (DOM), na edição de terça-feira (11).

Leia mais: Prefeitos do AM já contrataram mais de R$ 275 milhões antes da proibição eleitoral

Embora o objeto da homologação seja o serviço de “pavimentação das ruas (Higina Bonilha e da Saudade) e tapa-buraco no sistema viário na sede do município de Maués/AM”, Junior Leite contratou a empresa Pomar Comércio de Derivados de Petróleo Eireli, com CNPJ nº 12.675.374/0001-96.

Leia mais: Júnior Leite contrata R$ 1,4 milhão com serviço de táxi aéreo em Maués

De acordo com a Receita Federal, diferente do que diz no nome empresarial, a firma que deverá ser contratada pela Prefeitura de Maués tem como principal atividade econômica o serviço de “construção de edifícios” e tem sede localizada em Manaus.

Além disso, com capital social de R$ 1,5 milhão, o dono da empresa é Clovis Ferreira da Cruz Junior e deverá receber do prefeito de Maués, exatos R$ 2.992.446,68.

Combustível

Na mesma edição do DOM, o prefeito de São Sebastião do Uatumã, Fernando Falabella (MDB), homologou licitação para aquisição de “combustível e derivados de petróleo” pelo valor de R$ 1,5 milhão.

Leia mais: Estádio de futebol custará R$ 1,4 milhão aos moradores de São Sebastião do Uatumã

A empresa que deverá ser contratada é a M L SOARES. O documento, todavia, não informa o CNPJ da empresa para consulta na Receita Federal.

Sem resposta

O Portal AM1 entrou em contato com as duas prefeituras para obter mais informações sobre as possíveis contratações. A equipe de reportagem, no entanto, não obteve retorno até a publicação da matéria.

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading