TCE dá 30 dias para ex-prefeito de Tabatinga devolver R$ 5,2 milhões - Amazonas1

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

28 de setembro de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

TCE dá 30 dias para ex-prefeito de Tabatinga devolver R$ 5,2 milhões

Raimundo Carvalho Caldas teve as contas do exercício financeiro de 2015 reprovadas por unanimidade pelo TCE

TCE dá 30 dias para ex-prefeito de Tabatinga devolver R$ 5,2 milhões
Reprodução

O ex-prefeito de Tabatinga (a 1.106 quilômetros de Manaus) Raimundo Carvalho Caldas, mais conhecido por “Calango” tem o prazo de 30 dias para devolver cerca de R$ 5,2 milhões, após ter tido as contas exercício financeiro de 2015, reprovadas pelo Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM).

O edital de notificação que faz a cobrança foi publicado no Diário Oficial da Corte de Contas, nesta terça-feira (4).

Leia mais: Ex-prefeito do interior é investigado por improbidade administrativa

O ex-gestor deverá devolver aos cofres públicos o valor global de R$ 5.259.631,34 devidamente atualizado entre multa e alcance.

O TCE determinou 30 dias para que o ex-gestor efetue a quitação de débito. Após o pagamento, ele deverá apresentar comprovante de depósito a Corte de Contas.

Irregularidades

Em 2018, o TCE reprovou por unanimidade as contas do exercício financeiro de 2015 de Calango. Na ocasião, ele foi condenado a pagar R$ 1,6 milhões aos cofres públicos por diversas irregularidades detectadas. 

Entre elas, falhas no balanço dos fundos de saúde, ausência de comprovação de materiais pagos à empresa Maria Mendes de Sousa (Rumos Consultoria), assim como contratos firmados com a empresa D.P Sabino sem comprovação de entrega/recebimento de produtos que foram pagos.

Leia mais: Ex-prefeito de Tabatinga é condenado pelo TCE a devolver R$ 1,6 milhão em recursos públicos

 

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading