US - R$ 3,73

×

Benjamin de 6 anos é o único sobrevivente do acidente que matou sua família


Debaixo de chuva, em um barranco de cerca de 3 metros na escura rodovia BR-050, entre Uberlândia e Araguari, em Minas Gerais,  Benjamin Morane, de 6 anos, passou 48 horas. Desnorteado e desidratado, ele subiu a ribanceira e foi encontrado nesta terça-feira (9). O grave acidente de carro em que Benjamin estava vitimou seus pais e seu irmão.

Os pais do garoto, Alessandro e Belkis Morane, e o filho mais velho, Samuel, de 7 anos, morreram na hora. O resgate só chegou ao local nesta terça-feira (9), depois que Benjamin subiu em direção a estrada e localizou ajuda. O carro foi encontrado a 30 metros de distância da estrada.

A família morava em Campinas, no interior de São Paulo, e tinha viajado na última quinta-feira (4) para comemorar o aniversário de 35 anos de Belkis em Rio Quente, Goiás. O acidente aconteceu na volta da última viagem familiar.

Amigos e familiares do garoto buscavam informações sobre o paradeiro da família desde o último contato, no domingo. Na segunda-feira (8), o Corpo de Bombeiros de Araguari chegou a fazer buscas pela rodovia para tentar encontrar a família, mas não localizou o carro, que estava encoberto pela vegetação.

Benjamin conseguiu sair do carro nesta terça-feira (9) e pediu socorro na estrada. Assim que equipes da concessionária que administra a rodovia chegaram ao local, o carro com a família foi localizado.

O menino, em estado de choque, foi levado para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia. Segundo informação do HC, ele passa bem.

Agora, equipes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) trabalham no local para investigar a causa do acidente. Os corpos da família  foram encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal) de Araguari, e já foram reconhecidos por parentes no ínicio desta tarde. Ainda não há informação sobre velório e enterro.

*Informações retiradas do R7

Faça um comentário