Políticos de direita no AM comemoram indulto de Bolsonaro a Daniel Silveira: ‘viva a liberdade’

Publicado em 22/04/2022 18:44

Alguns políticos de direita, declaradamente bolsonaristas, comemoraram e aplaudiram a decisão do presidente Jair Bolsonaro (PL) de conceder indulto ao deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ), condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a oito anos e nove meses de prisão pelos crimes de tentativa de impedir o livre exercício dos Poderes e coação no curso do processo.

Alberto Neto, que foi um dos maiores defensores de Daniel Silveira, chegando a ir ao gabinete do parlamentar para prestar solidariedade dias atrás, elogiou e parabenizou Bolsonaro pela decisão.

“Ontem eu expressei a minha revolta com a condenação do deputado Daniel Silveira. Hoje, eu quero expressar a minha alegria. Nosso presidente Bolsonaro concedeu graça, um indulto individual ao deputado Daniel Silveira. Importante e justo, pois a sua condenação no STF não passa apenas de uma perseguição política. Parabéns, presidente Bolsonaro, pela sua coragem. Nós temos um presidente, um braço forte, uma mão amiga, conduzindo essa nação para os bons caminhos”, disse nas redes sociais.

Leia mais: Bolsonaro rebate decisão do STF e concede indulto que perdoa condenação de Daniel Silveira

Já o candidato ao Senado, Coronel Menezes (PL), principal representante do presidente no estado, seguiu a mesma linha de elogio e criticou o STF.

“O presidente Bolsonaro hoje, por vias indiretas, estabeleceu um limite aos “super-poderes” do STF! Não é crível que o acusador seja o julgador, não é justo, não é correto e transcende a LIBERDADE, fere de morte a nossa constituição. 22 é o ano das nossas melhores escolhas!!!
Selva!!!”, escreveu.

Leia mais: Marcelo Ramos e Omar Aziz criticam Bolsonaro por perdão a Daniel Silveira: ‘desrespeita a Constituição’

O ex-vereador Chico Preto (Avante) também fez um comentário, em suas redes sociais, sobre o indulto a Daniel Silveira. Para ele, tal ato é uma “decisão política que repara à Constituição e o devido processo legal”.

“O Indulto presidencial (inciso XII, Art. 84 CF/88) concedido a Daniel Silveira, neste caso específico, é uma decisão política que repara à Constituição e o devido processo legal. Lembrei-me de Tiradentes: “O papel mais arriscado quero-o para mim”, disse Chico Preto.

Leia mais: Após STF decidir cassar Daniel Silveira, Lira recorre para que Câmara tenha a palavra final

Além dele, o vereador Marcel Alexandre (Avante) classificou a medida como uma ‘grande atitude’ do presidente e afirmou que Bolsonaro tem sido essencial na defesa da liberdade e democracia no Brasil.

“Viva a liberdade de expressão! Parabéns, Presidente Jair Messias Bolsonaro! O Presidente @jairmessiasbolsonaro concede graça constitucional a Daniel Silveira. Grande atitude! Chefe de Estado e da Nação, Bolsonaro tem sido o maior guardião das nossas liberdades, da democracia e da Constituição”, disse Marcel Alexandre.

Compartilhar:
Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

+ NOTÍCIAS