MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Em rota de colisão com Bolsonaro, Omar diz que ‘não é o momento de dividir o Brasil’

Senador publicou no Twitter que o Brasil precisava se unir em torno 'da ordem e do progresso', e que não é momento de dividir o Brasil
Lucas Rodrigues – Portal AM1
• Publicado em 08 de setembro de 2021 – 20:15
Omar
Foto: Reprodução

MANAUS, AM – O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia no Senado, senador Omar Aziz (PSD-AM), pediu união durante os protestos de Sete de Setembro em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O pedido de Omar foi feito em sua conta pessoal no Twitter, na última terça-feira (7).

Aziz começou sua série de tweets com uma arte de celebração à Independência do Brasil, com os dizeres “O grito de uma nação”. O presidente da CPI disse, em seguida, que o momento não é de dividir o Brasil. “É o momento de nos unirmos e caminharmos em busca da ordem e do progresso do nosso país. Este é o grito de uma nação”.

Leia mais: Omar Aziz processa Arthur Neto e Chico Preto por danos morais e pede R$ 99,4 mil

Mesmo com o tom “conciliador”, Omar Aziz criticou Jair Bolsonaro em diversas outras ocasiões, incluindo na própria CPI da Pandemia. O senador também já entrou em rota de colisão com parlamentares apoiadores do presidente, bem como com os próprios filhos de Bolsonaro.

A CPI volta na semana que vem, já apontando para novos depoimentos que investigam o governo do presidente e suas ações na pandemia.

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap