Homem é preso por envolvimento em homicídio ocorrido no Japiim - Amazonas1
21 de abril de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Homem é preso por envolvimento em homicídio ocorrido no Japiim

Conforme a delegada Marília Campello, Luan Melo foi encontrado em um ramal no município de Iranduba, onde estava escondido desde a data do crime

Homem é preso por envolvimento em homicídio ocorrido no Japiim
(Foto: Alailson Santos – PC/AM)

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), cumpriu, na manhã desta sexta-feira (05), mandado de prisão preventiva em nome de Luan Miranda de Melo, de 28 anos, por envolvimento no homicídio de Anderson da Silva e Silva, ocorrido no dia 4 de outubro de 2020, no bairro Japiim, zona sul de Manaus.

Conforme a delegada Marília Campello, adjunta da Especializada, Luan foi encontrado em um ramal no município de Iranduba (a 27 quilômetros da capital), onde estava escondido desde a data do crime. O outro envolvido, William Moura Costa, primo de Luan, foi preso em fevereiro deste ano, pelo 25º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Leia também: Homem é linchado após tentativa de roubo no Japiim

Ainda segundo a delegada, os dois homens eram ex-chefes da vítima em uma empresa de telecomunicação, e se irritaram ao ver Anderson trabalhando para uma empresa concorrente.

“A vítima estava realizando manutenção na rede de internet em um poste quando foi abordada pela dupla, que questionou o fato dele estar nessa outra empresa. Momento em que um deles disparou em direção ao técnico. Ele ainda tentou correr, mas foi atingido por outros disparos nas costas e morreu no local”, disse a autoridade policial.

 

Procedimentos

Luan irá responder por homicídio. Ao término dos procedimentos cabíveis na DEHS, ele será encaminhado à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.

*Com informações da assessoria

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

[email-subscribers-form id="1"]