Lula usa relógio de R$ 79 mil em comemoração comunista e manda apagar foto da rede social

Carlos Bolsonaro escreveu: 'O pai dos 'probe' segue a saga da facção!', e gerou muita discussão nas redes sociais
Da Redação – Portal AM1
Publicado em 29/03/2022 12:01
Foto: Reprodução

A página oficial do Partido dos Trabalhadores compartilhou, nesse sábado (26), uma foto do ex-presidente Lula acenando para os militantes em Niterói, no Rio de Janeiro.

O problema gerado pelo post de Gleise Hoffmann, se deu após internautas terem questionado o valor e a marca do relógio usado pelo ex-presidente, que custa em torno de 79 mil reais. Após os primeiros questionamentos, o perfil do partido cortou a imagem, escondendo o acessório de luxo, o que causou ainda mais notoriedade ao caso.

O vereador Carlos Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, fez um post ironizando a alcunha de Lula, que é chamado de ‘pai dos pobres’.

A equipe de Lula já vinha de outra polêmica, após a decisão da indenização a ser paga por Deltan Dallagnol, quando fizeram um ‘PowerPoint’, falando da inocência de Lula, similar ao da apresentação de Deltan no início da Operação Lava Jato.

Mesmo ostentando o relógio de luxo, Lula ficou indignado com o valor definido pela Justiça e afirmou que irá recorrer para aumentar a quantia.

Nesse mesmo evento, o ex-vereador petista, Leonel Brizola Neto, atingiu com seu carro uma mulher de um grupo que manifestava contra Lula, e foi necessário um policial armado para conter a agressão e o encaminhar à delegacia.

Que fase!

Compartilhar:
Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

+ NOTÍCIAS