Manaus, 24 de fevereiro de 2024
×
Manaus, 24 de fevereiro de 2024

Cidades

Manaus recebe intercambistas de novas chamadas do programa ‘Mais Médicos’

Os convocados no novo chamamento são intercambistas brasileiros, formados e habilitados para o exercício da medicina no exterior, que foram selecionados na 3ª e 4ª chamadas do 28º Ciclo do “Mais Médicos”.

Manaus recebe intercambistas de novas chamadas do programa ‘Mais Médicos’

(Foto: Divulgação/Semsa)

Manaus (AM) – A Prefeitura de Manaus está recebendo, nesta semana, os bolsistas do “Mais Médicos para o Brasil”, convocados em novas chamadas do atual ciclo do programa federal. Até a manhã desta terça-feira, 5/12, vinte dos 29 candidatos esperados no novo chamamento compareceram na sede da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), no bairro Adrianópolis, zona Centro-Sul, para procedimentos pré-admissionais. O prazo para apresentação neste chamado vai até quinta-feira, 7/12.

Os convocados no novo chamamento são intercambistas brasileiros, formados e habilitados para o exercício da medicina no exterior, que foram selecionados na 3ª e 4ª chamadas do 28º Ciclo do “Mais Médicos” e que concluíram com sucesso o Módulo de Acolhimento e Avaliação (MAAv) do programa, realizado em Brasília (DF).

Dentre os 20 bolsistas que se apresentaram, dez tiveram a inscrição homologada e aguardam definição das unidades de saúde nas quais serão lotados, junto à Diretoria de Gestão e da Regulação do Trabalho em Saúde da Semsa.

 

(Foto: Divulgação/Semsa)

Conforme a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, os novos bolsistas vão se somar a outros 238 profissionais do “Mais Médicos” que já estão em atuação na cidade, contribuindo para reforçar a assistência nas localidades de maior vulnerabilidade, com maior demanda da população pelos serviços da Atenção Primária à Saúde (APS).

“Nosso quadro de médicos é reduzido para a atenção que sonhamos dar à população. Ainda assim, há dois anos o empenho das nossas equipes nos mantém no topo do ranking do Previne Brasil, e esses novos bolsistas nos dão alento para se ter uma saúde básica cada vez melhor”, assevera a secretária.

Reforço

Entre os médicos que se apresentaram nesta terça-feira está o rondoniense de Presidente Médici, George Sullivan, 34. Formado na Universidade de Aquino Bolívia (Udabol), no país vizinho, ele escolheu Manaus para atuar pelo “Mais Médicos” pela proximidade geográfica de sua cidade e sua família, e se diz pronto a oferecer o melhor serviço para a população na rede de atenção básica da capital.

“Penso que muitos agravos podem ser evitados com uma prevenção bem feita e com uma escuta qualificada do paciente. Tudo inicia na atenção básica, e a medicina da família e comunidade inclusive é uma área na qual quero me especializar”, aponta.

Também a proximidade geográfica e cultural guiou Cristiane Araújo, 42, na opção pela capital amazonense para atuar. Vinda de Brasiléia (AC), formada também na Bolívia, ela revela admiração pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e quer contribuir para levar atenção a pessoas em vulnerabilidade social e carente de assistência em Manaus.

“O paciente bem atendido na atenção primária pelo SUS nem precisa buscar a atenção secundária ou terciária, pois já é orientado para a promoção e prevenção de doenças”, avalia ela, revelando expectativa pela recepção em Manaus. “Espero que a população nos acolha como iremos acolhê-los nas unidades onde iremos trabalhar, com amor e carinho”.

Chamamentos

Ao todo, 256 bolsistas foram alocados para atuação em Manaus pelo “Mais Médicos”, no 28º Ciclo do programa, que teve edital publicado em maio deste ano, pelo Ministério da Saúde. As primeiras chamadas ocorreram nos meses de junho e julho, para profissionais formados no Brasil ou com diploma revalidado no país, e intercambistas que passaram pelo MAAv em edições anteriores do programa.

Em setembro, o contingente do programa em Manaus teve reforço com um novo chamamento, voltado a intercambistas brasileiros e estrangeiros, formados e habilitados para o exercício da medicina no exterior. Em outubro, também foram convocados selecionados do 31º Ciclo e do 33º Ciclo – Modalidade Consultório na Rua.

Atualmente, atuam nas unidades básicas de Manaus 222 bolsistas ingressados nos ciclos recentes do “Mais Médicos”, ao lado de 16 remanescentes de ciclos anteriores, recontratados pelo programa em 2023.

(*) Com informações da assessoria

LEIA MAIS: