Após denúncia do Portal AM1, prefeitura irá demolir prédio no Educandos - Amazonas1
22 de janeiro de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Após denúncia do Portal AM1, prefeitura irá demolir prédio no Educandos

No último sábado (28), a reportagem do Portal AM1 esteve na área onde o prédio fica situado e conversou com moradores próximos que relataram o risco de desabamento do imóvel

Após denúncia do Portal AM1, prefeitura irá demolir prédio no Educandos
Foto: Altemar Alcântara / Semcom

Após denúncia do Portal AM1 de que um prédio de três andares, localizado na rua Inocêncio de Araújo, no bairro de Educandos, zona Sul, está prestes a desabar, a Prefeitura de Manaus resolveu ir até o local para fazer uma vistoria e indicou pela demolição do imóvel.

No último sábado (28), a reportagem do Portal AM1 esteve na área onde o prédio fica situado e conversou com moradores próximos que relataram o risco de desabamento do imóvel.

De acordo com a Prefeitura de Manaus, no mesmo dia, a equipe técnica da Secretaria Executiva de Proteção e Defesa Civil fez uma vistoria no prédio e identificou como causa do risco um vazamento de água. A concessionária Águas de Manaus foi acionada e foi ao local para dar suporte técnico à operação.

Uma segunda visita ao local foi realizada nesta segunda-feira (30), momento em que foi indicada pela Secretaria Executiva de Proteção e Defesa Civil a demolição do prédio, que está com risco de desabamento.

“Viemos hoje realizar uma nova vistoria para constatar se a edificação não tinha sofrido outros danos, além das que foram identificadas no sábado, e concluímos que a estrutura precisa ser demolida para resguardar as residências do entorno. Diante desta avaliação, iremos fazer o relatório e encaminhar para a empresa responsável”, informou o secretário executivo da Defesa Civil, Cláudio Belém.

O órgão também informou, que após o fechamento do relatório será definido os procedimentos de demolição. O prédio de três andares está isolado e evacuado, devido ao risco de desabar, e as 22 famílias estão sendo assistidas pela concessionária Águas de Manaus.

(*) Com informações da assessoria

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading