Processo seletivo pra o Bolsa Universidade começa nesta quarta-feira - Amazonas1
20 de outubro de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Processo seletivo pra o Bolsa Universidade começa nesta quarta-feira

O Programa Bolsa Universidade, da Prefeitura de Manaus, abriu a partir das 10h desta quarta-feira (30) inscrições para as mais de 38 mil vagas disponíveis

Processo seletivo pra o Bolsa Universidade começa nesta quarta-feira
Fotos: Divulgação - Semad

O Programa Bolsa Universidade (PBU), da Prefeitura de Manaus, abre às 10h desta quarta-feira (30)  inscrições para as 38.211 vagas de cursos de graduação ofertadas no processo seletivo 2021. Os interessados poderão se inscrever até 13 de outubro, pelo endereço http://bolsa.manaus.am.gov.br, que dispõe de edital completo.

 

 

 

 

 

“O Bolsa Universidade dá oportunidade de cursar uma graduação a pessoas que certamente não teriam, se não houvesse o programa e o entendimento com as instituições parceiras, que pensam na nossa terra e no nosso povo. É um grande investimento em educação, assim como muitos outros em nossa gestão”, destacou o prefeito de Manaus, Arthur Neto.

Estão aptos a concorrer, candidatos sem diploma de nível superior e que atenderem aos seguintes requisitos: brasileiro, nato ou naturalizado, com renda familiar de até 1,5 salário mínimo; residente em Manaus; regularmente matriculado ou passível à matrícula em uma das instituições de ensino superior parceiras do programa; com ensino médio completo ou finalista (concluir até 31 de dezembro deste ano).

Leia mais: Mais de 12 mil terrenos serão regularizados e entregues pela prefeitura até dezembro

Com bolsas de estudos de 100%, 75% e 50%, para ingresso em instituições de ensino particulares estabelecidas em Manaus, o PBU garante a concessão do benefício até o final da graduação. Do total das vagas disponíveis oferecidas em cada instituição de ensino parceira do programa, 5% deverão ser destinadas às pessoas com deficiência e 2% às pessoas com idade igual ou superior a 60 anos.

Para efetuar a inscrição, é necessário realizar um cadastro e responder a um questionário na página oficial da seleção, composto por quatro passos. É nesse momento, também, que o candidato deverá, obrigatoriamente, escolher o curso, o turno e a instituição, para os quais deseja concorrer ao benefício.

 Ainda no preenchimento da inscrição, no campo em que a renda per capita deve ser informada, o candidato deve atentar para os integrantes do grupo familiar que se encaixam na categoria de autônomo, pois estes deverão gerar a declaração de renda por meio do próprio sistema do programa.

Coordenado pela Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), subsecretaria vinculada à Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), o Bolsa Universidade já ofertou mais de 260 mil bolsas de estudos para estudantes de baixa renda.

“O PBU já é um programa consolidado e esperado, todos os anos, por aqueles que sonham em concluir o ensino superior. Investir na educação e proporcionar que pessoas hipossuficientes tenham acesso à graduação é pensar no futuro e garantir uma cidade desenvolvida”, afirmou a diretora-geral da Espi/Semad, Stela Cyrino.

Classificação

A ordem classificatória obedecerá ao critério de menor para a maior renda familiar, de acordo com a quantidade de vagas disponíveis em cada curso, sendo o percentual da bolsa maior conferido aos candidatos de menor renda.

Os candidatos que forem classificados passarão para a fase de comprovação das informações prestadas ao sistema durante o preenchimento do formulário de inscrição. Ao candidato, cujas documentações estiverem de acordo com o exigido no edital da seleção, será emitido o encaminhamento de matrícula para adesão ao benefício.

Instituições participantes

Para a edição 2021, o Bolsa Universidade firmou parceria com 15 instituições de ensino superior: Centro Universitário de Ensino Superior do Amazonas (Ciesa); Centro Universitário Fametro; Centro Universitário do Norte (Uninorte); Centro Universitário Luterano de Manaus (Ulbra); Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau); Escola Superior Batista do Amazonas (Esbam); Faculdade Boas Novas (FBN); Faculdade Martha Falcão Whyden; Faculdade Salesiana Dom Bosco; Faculdade Santa Teresa; Fucapi; Instituto Amazônia de Ensino Superior (Iaes); Instituto de Ensino Superior Materdei; Universidade Estácio de Sá e Universidade Nilton Lins.

(*) Com informações da assessoria

 

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading