US - R$ 4,13

×

Padre é suspenso após quase afogar bebê durante batismo; veja

Menino teve ferimentos durante ritual e mãe precisou intervir. Padre afirmou que já tinha batizado outras crianças da mesma forma

Padre afoga bebê durante batismo (Reprodução)

O padre Foty Necheporenko, da Igreja Ortodoxa Russa, foi suspenso por um anos após provocar ferimentos em um bebê durante um batismo.

O momento foi registrado em vídeo e publicado na internet. Nas imagens, é possível notar que a mãe da criança intervém na situação e tenta tirar o bebê dos braços do padre, devido os choros constantes.

Veja também: Banhistas flagram casal fazendo sexo na praia da Ponta Negra; vídeo

“Ele [o padre] fez tudo para magoar o menino. Percebeu que ele era grande, que não era possível mergulhá-lo numa pia tão pequena. Eu estava com medo, corri para ele. Tentei pegar no menino e quase me queimei porque o meu lenço tocou nas velas que estavam ao redor da pia batismal”, contou a mãe, Anastasia Alexeeva.

Já o padre disse que sempre batizou crianças assim e apenas cumpriu o seu “dever religioso”.

“O bebê não engoliu água nenhuma, nem bateu nas paredes da pia batismal. Sirvo há 26 anos e sempre batizei crianças assim. Cumpri o meu dever religioso”, justificou.

Faça um comentário