Jovem é preso por tráfico de drogas em Manacapuru - Amazonas1
27 de fevereiro de 2021
Site auditado pelo
Manaus
23oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Jovem é preso por tráfico de drogas em Manacapuru

De acordo com Torres, durante vistoria na residência onde ocorreu a prisão do jovem, foram apreendidos 600 gramas de drogas, sendo 60 de oxi e 240 de maconha

Jovem é preso por tráfico de drogas em Manacapuru

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da equipe de investigação da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Manacapuru (distante 68 quilômetros em linha reta da capital), efetuou na manhã desta sexta-feira (15), por volta das 6h, a prisão em flagrante de Alex Oliveira de Souza, de 23 anos, conhecido como “Leleu”, pela prática do crime de tráfico de drogas. A prisão ocorreu na rua Edmilson Teles, no bairro Novo Manacá, naquele município.

Conforme o delegado Rodrigo Torres, titular da DIP de Manacapuru, na última segunda-feira (11/01) a equipe de investigação da delegacia recebeu informações, por meio de denúncias anônimas, de que “Leleu” estaria traficando drogas no bairro Novo Manacá.

“Depois que recebemos as denúncias, passamos a efetuar diligências em torno do caso, e durante a tarde de quinta-feira (14/01) e a madrugada desta sexta-feira, realizamos campana nas proximidades do endereço denunciado, onde confirmamos que se tratava de um ponto de venda de entorpecentes”, explicou o delegado.

De acordo com Torres, durante vistoria na residência onde ocorreu a prisão do jovem, foram apreendidos 600 gramas de drogas, sendo 60 de oxi e 240 de maconha.

No momento da apreensão 152 trouxinhas já estavam prontas para venda. Além dos produtos ilícitos, também foi apreendida uma motocicleta, uma balança de precisão e objetos utilizados para produção das trouxinhas.

Procedimentos

Alex foi autuado pelo crime de tráfico de drogas. Após os procedimentos cabíveis, ele permanecerá na carceragem da DIP de Manacapuru à disposição da Justiça.

 

*Com informações da assessoria

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading