Sete partidos e 400 entidades pedem impeachment de Bolsonaro
A + A -

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

3 de junho de 2020
Site auditado pelo

Redes Sociais

[email protected]

Sete partidos e 400 entidades pedem impeachment

Presidente é acusado de crime de responsabilidade por sua participação em atos contra a democracia

Sete partidos e 400 entidades pedem impeachment
Ueslei Marcelino/Reuters

O PT entregou nesta quinta-feira,21, um pedido de impeachment coletivo contra o presidente Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputadas.

Ao todo, assinam o documento sete partidos e 400 entidades sociais.

“Bolsonaro precisa ser impedido, seu governo está levando o Brasil e a maioria do povo para uma tragédia”, escreveu a presidenta do PT, Gleisi Hoffmann, no Twitter. Entre as siglas que assinaram o pedido coletivo, além do PT, estão PCdoB, PSOL, PSTU, PCB, PCO e UP.

“O Brasil cansou de Bolsonaro. Ele é incompetente, ele é inepto, ele não reúne condições de governar e buscar soluções para os problemas graves que o Brasil está enfrentando: a crise sanitária, a pandemia que atingiu, fortemente, as famílias brasileiras; a crise econômica, que vai se agravar; e o pior, ele atenta, todos os dias, contra os direitos, contra a liberdade de imprensa, contra a democracia, contra as instituições”, afirmou José Guimarães (PT), líder da Minoria na Câmara.

Um dos principais argumentos do pedido de impeachment é a participação de Bolsonaro em manifestações de “índole antidemocrática e afrontosas à Constituição, em que foram defendidas gravíssimas transgressões institucionais, tais como o fechamento do Congresso Nacional e do Supremo Tribunal Federal, além da reedição do Ato Institucional no 5”, diz o texto.

‌O texto diz que trata-se de um crime de responsabilidade contra o livre exercício dos Poderes Legislativo e Judiciário e dos poderes constitucionais dos Estados, além de crime de responsabilidade contra o livre exercício dos direitos políticos, individuais e sociais.
Instituições como o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Associação Brasileira de Economistas pela Democracia, Marcha Mundial das Mulheres e Movimento Negro Unificado assinaram o pedido.
(*) Com informações da Forum

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias