MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Sacos de farinha recheados de drogas são encontrados em embarcação em Coari

Segundo as autoridades, o material ilícito foi colocado nos sacos de farinha por uma mulher ainda não identificada
Da Redação – Portal AM1*
• Publicado em 28 de agosto de 2021 – 14:07
Foto: Divulgação

COARI, AM – Policiais militares encontraram três tabletes de pasta base de cocaína dentro de sacos de farinha. O material estava em uma embarcação no porto de Coari, interior do Amazonas.

Segundo as autoridades, o material ilícito foi colocado nos sacos de farinha por uma mulher ainda não identificada. A polícia deve continuar a investigação para identificar o responsável pelo crime. O caso aconteceu na última quinta-feira mas foi revelado neste sábado (28).

Durante a apreensão, ninguém foi preso. O material recolhido e levado para a delegacia de Coari.

Leia mais: Motorista de caminhão que causou acidente no Japiim é detido pela polícia

Homem é preso por roubo majorado em Itapiranga

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da 38ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) cumpriu nesta terça-feira (24), mandado de prisão preventiva em nome de Lissandro de Oliveira Carvalho, 18 anos, pelo crime de roubo majorado. A ordem judicial foi cumprida na sede da unidade policial.

De acordo com o delegado Aldiney Nogueira, titular da 38ª DIP, na ocasião, as equipes policiais receberam denúncias informando que havia um jovem em um ponto de táxi apresentando atitudes suspeitas, pois demonstrava nervosismo, e perguntava aos transeuntes se a polícia costumava parar os táxis que saiam da cidade com destino a Manaus.

“Com base nisso, solicitamos o apoio da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), para que fosse realizada a abordagem e a condução do suspeito até a DIP. Ele estava sem documento de identificação e ao chegar na delegacia forneceu um nome falso, porém, informou o nome e sobrenome verdadeiro de sua mãe. Em seguida, ele deu seu nome verdadeiro, e disse que estava no município fugindo de um possível mandado de prisão em desfavor dele”, relatou o delegado.

(*) Com informações da assessoria

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap