Todos os continentes já registram casos da variante Ômicron

Em comunicado, a OMS destacou que a variante representa um risco elevado para o Planeta
Publicado em 29/11/2021 13:13

São Paulo, SP – Com 50 mutações e com possibilidade de causar uma nova onda de covid-19, a variante ômicron da foi identificada em todos os continentes do Planeta. Neste domingo (28), o Canadá foi o primeiro país das Américas a confirmar a infecção, com dois casos em Ontário. Ao todo, a nova variante já foi registrada em mais de dez países.

Chamada de B.1.1.529, o primeiro caso da variante ômicron foi identificado na África do Sul pelo virologista Tulio de Oliveira, diretor do Centro para Resposta Epidêmica e Inovação, que informou ao mundo a descoberta na última quinta-feira (25).

As mutações da variante superam qualquer outra, sendo mais de 30 na proteína “spike” (a “chave que o vírus usa para entrar nas células, a qual é o alvo da maioria das vacinas contra a covid-19). O virologista afirmou que a nova variante carrega uma “constelação incomum de mutações”. Por conta da nova variante, países já anunciaram restrições de voo vindos da África do Sul.

Leia mais: Prefeito de Salvador é o primeiro a cancelar Réveillon por causa da Ômicron

Em comunicado, a Organização Mundial da Saúde (OMS) destacou que a ômicron representa um risco elevado para o Planeta, e afirmou que ainda há muitas dúvidas sobre a nova variante, especialmente sobre o perigo que ela representa. A OMS também ressaltou que os casos identificados são considerados “leves”, e ainda não houve registro de mortes causadas pela ômicron.

Veja a lista de países que já tiveram casos identificados:

África:

  • África do Sul
  • Botsuana

América:

  • Canadá

Ásia:

  • Israel
  • Hong Kong

Europa:

  • Alemanha
  • Bélgica
  • Dinamarca
  • Holanda
  • Itália
  • Reino Unido
  • República Tcheca

Oceania:

  • Austrália

(*) Com informações do G1

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter

Compartilhar:
Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

+ NOTÍCIAS