MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Zé Trovão se entrega à PF após quase dois meses foragido

Em seu canal do Telegram, Zé Trovão disse que estava em Santa Catarina e que não sabe quanto tempo ficará preso
Da Redação – Portal AM1*
• Publicado em 26 de outubro de 2021 – 15:12
Foto:

JOINVILLE, SC– O bolsonarista Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, se entregou, nesta terça-feira (26) à Polícia Federal em Joinville, Santa Catarina. Ele estava foragido há mais de um mês após o pedido de prisão preventiva expedido contra ele pelo ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), em setembro.

“Apresentação espontânea de Zé Trovão. Na qualidade de advogados do Sr. Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, informamos que na data de hoje promovemos sua apresentação espontânea ao Excelentíssimo Senhor Doutor Delegado Chefe da Polícia Federal em Joinville – Santa Catarina, cidade de seu domicílio.”

Em seu canal do Telegram, o bolsonarista diz estar em Santa Catarina. “Nesse 26 de outubro, eu me entreguei à Justiça brasileira, me apresentei à Justiça brasileira, porque, como diz o nosso hino, verás que um filho teu não foge à luta. E eu jamais iria abandonar o povo brasileiro”, diz Zé Trovão. “Eu vim dizer muito obrigado, não sei quanto tempo eu vou passar no cárcere, mas saibam que tudo isso é pelo Brasil, por cada ser humano cidadão de bem. Fiquem com Deus e não desanimem.”

Segundo os advogados do caminhoneiro, Elias Mattar Assad e Thaise Mattar Assad, ele “está ao dispor da Justiça para provar sua inocência. Na sequência, a defesa formulará pleitos de liberdade”.

Leia mais: ‘Fazemos o possível’, desabafa Bolsonaro

Zé Trovão foi alvo de ordem de prisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, decretada no início de setembro, por participar da organização de atos com pautas antidemocráticas para o feriado de 7 de setembro.

(*) Com informações do Uol

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap