Presente de Natal: vereadores aprovam reajuste de ‘Cotão’ de R$ 18 mil para R$ 33,3 mil na CMM

Publicado em 15/12/2021 20:50

MANAUS, AM – Os vereadores de Manaus aprovaram o reajuste da Cota para Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap), mais conhecido como Cotão. O valor, que era de R$ 18 mil passará a ser pago, a partir de 2022, no valor de R$ 33.086,05, ou seja, um reajuste de mais de 80%.

A proposta de reajuste foi aprovada na última sessão realizada nesta quarta-feira (15), na Câmara Municipal de Manaus (CMM) e de acordo com a Lei, o novo valor equivale a 75% de benefício semelhante pago aos deputados estaduais, que é de R$ 44.114,74, atualmente.

Além do Cotão reajustado, os vereadores também terão seus salários ajustados em 2022, a partir de projeto aprovado em 2020. A Lei Municipal nº 481/2020 aumentou o salário dos vereadores de R$ 15 mil para R$ 18,9 mil. Na mesma aprovação, o auxílio-alimentação dos servidores dos gabinetes dos vereadores também foi ajustado em mais 10 Unidades Fiscais do Município (UFMs), que calculado no valor atual passará de R$ 1.100 para R$ 1.146,10. O valor da UFM de 2022 ainda não está definido.

Esse é o segundo projeto votado às pressas na CMM. Nessa quarta-feira (15), a Lei Orçamentária Anual (LOA) também foi votado e aprovado em menos de 2h de sessão. O vereador Rodrigo Guedes (PSC) mais uma vez questionou a colocação da proposta no sistema uma hora antes da votação.

Nas redes sociais, o vereador Rodrigo Guedes fez o alerta sobre o novo valor do Cotão. “Vereadores de Manaus aprovam o aumento do Cotão na Câmara Municipal de Manaus de 18 mil para 35 mil. Votei contra pois acredito que não há necessidade, fui inclusive um dos 3 vereadores que menos usou essa verba nesse ano (2021). Um absurdo!!!!”, escreveu Guedes em sua conta no Instagram.

Leia mais: Rodrigo Guedes diz que Orçamento Municipal foi votado de ‘surpresa’ na CMM

Nas redes sociais, o vereador Amom Mandel (União Brasil) que não utiliza o Cotão disse que continuará sem utilizar a verba e que a aprovação é um absurdo e acredita que o uso do Cotão abre margem para possíveis desvios.

“A Câmara de Manaus aprovou, na última sessão do ano, aumento da CEAP, o famoso Cotão, de 18 para R$ 33k mensais. Na minha opinião, não era necessário. Eu, por ideal e convicção, não uso essa verba e permanecerei assim. Acho um absurdo. Reafirmo o meu compromisso de não utilizar essa verba que, na minha opinião, abre margem para desvios. Nunca utilizei e nunca vou utilizar”, escreveu Amom.

Mesmo com voto contrário de Guedes, Capitão Carpê Andrade (Republicanos) e Raiff Matos (DC) a proposta foi aprovada na Casa Legislativa e promulgada.

Mais servidores

Além do novo valor para trabalhar em 2022, os parlamentares poderão contratar ainda mais servidores para seus gabinetes. Hoje, o número de contratações são de 15 a 30 pessoas. Já em 2022, os vereadores vão poder contratar de 20 a 45 assessores parlamentares.

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter

Compartilhar:
Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

+ NOTÍCIAS