Manaus, 12 de julho de 2024
×
Manaus, 12 de julho de 2024

Política

Reforma tributária: veja como votaram os deputados amazonenses

Dos oito parlamentares que compõem a bancada do Amazonas na Câmara, apenas um votou a favor da reforma tributária.

Reforma tributária: veja como votaram os deputados amazonenses

Câmara dos deputados aprova texto-base da reforma tribuária - Foto: (Larissa Lousrhania- Portal AM1)

Brasília (DF) – O texto-base da reforma tributária foi aprovado pela Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (10) com 336 votos favoráveis e 142 contrários.

A maior parte da bancada do Amazonas votou contra a proposta estabelecida no texto, apenas o deputado Silas Câmara (Republicanos-AM) votou a favor da medida.

O texto-base reduz de cinco para três os tributos pagos pelo consumidor, Imposto sobre Bens e Serviços (IBS), Contribuição Social sobre Bens e Serviços (CBS) e o Imposto Seletivo. Eles foram criados em 2023 durante a reformulação do sistema tributário aprovado no Congresso.

A alíquota total destes impostos ficou estabelecida em 26,5% para cobrança, com 8,8% para o CBS e 17,7% para o IBS.

Um dos destaques apresentados em plenário envolvia a inclusão da proteína animal na cesta básica, que, atualmente, é composta de itens como arroz, café e farinhas e possui alíquota zero.

Na última terça-feira (2), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) comentou que seria preciso incluir a carne na isenção de imposto.

“Você tem vários tipos de carne: tem carne chique, de primeiríssima qualidade, que quem consome ela pode pagar um impostozinho. Agora você tem um outro tipo de carne que é a carne que o povo consome. Eu não entro em detalhe, porque tem muita gente importante trabalhando nisso. Mas eu acho que a gente precisa colocar a carne na cesta básica, sim!”, disse o presidente.

A Frente Parlamentar Agropecuária (FPA) também buscou pela aprovação da proposta. Segundo o deputado federal Pedro Lupion (PP-PR), a medida é uma vitória para as famílias brasileiras.

“As  proteínas animais que representam a qualidade nutricional das famílias brasileiras, um alimento de qualidade na mesa das famílias”, disse o deputado.

Com a mudança, veja os Itens que devem compor a cesta básica:

  • Carne vermelha;
  • Arroz;
  • Leite;
  • Manteiga;
  • Margarina;
  • Feijões;
  • raízes e tubérculos;
  • cocos;
  • café;
  • óleo de soja;
  • farinhas de soja;
  • mandioca;
  • milho;
  • trigo;
  • açúcar;
  • Massas;
  • Pão do tipo comum;
  • Ovos;
  • Produtos hortícolas, com exceção de cogumelos e trufas; e
  • Frutas frescas ou refrigeradas e frutas congeladas.

LEIA MAIS: