Rodrigo Guedes pretende lançar candidatura para presidência da CMM - Amazonas1
21 de janeiro de 2021
Site auditado pelo
Manaus
24oC  29oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Rodrigo Guedes pretende lançar candidatura para presidência da CMM

Segundo ele, o foco da gestão será tornar a vereação independente. O anúncio foi feito durante entrevista ao Portal AM1, nesta terça-feira (24)

Rodrigo Guedes pretende lançar candidatura para presidência da CMM
Foto: Márcio Silva - Portal Amazonas1

Mesmo estreante na Câmara Municipal de Manaus (CMM), o vereador eleito Rodrigo Guedes (PSC) afirmou que pretende lançar sua candidatura a presidência do parlamento. Segundo ele, o foco da gestão será tornar o poder municipal independente. O anúncio foi feito durante entrevista ao Portal AM1, nesta terça-feira (24).

Nos bastidores, a informação é de que o atual presidente da CMM, o vereador reeleito Joelson Silva (Patriota) deve tentar se manter no cargo. Mas outra especulação aponta que, caso David Almeida (Avante) seja eleito prefeito, o nome forte para ser levado a presidência é o de David Reis (Avante), filho do ex-deputado Sabá Reis, aliado de longa data de Almeida.

E é nesse cenário que Rodrigo Guedes se coloca como o primeiro a declarar publicamente a sua candidatura à presidência do parlamento municipal.

“Estou discutindo internamente no meu partido, mas pretendo lançar sim minha candidatura para justamente termos uma Câmara altiva, livre e que fale olho a olho com o prefeito eleito. O que não pode é ser um parlamento municipal subserviente e a população mais uma vez vai ficar se sentindo enganada, traída pelos vereadores que se elegeram”, declarou Guedes.

Leia mais: CMM teve quase 60% de renovação; apenas 17 vereadores se reelegeram

Sem citar nomes, o vereador eleito com 4.885 votos no primeiro turno, também criticou a atuação de alguns parlamentares, que segundo ele, se ‘venderam’ ao gestor do Executivo Municipal.

“Por exemplo, nesta atual gestão da prefeitura, da qual fiz parte e fiz meu papel, tem vereador que tem 200 diretores de escolas indicados por ele. Isso é uma forma de se vender e vender sua independência. O parlamentar trabalha apenas para sua reeleição, mas não luta pelo coletivo”, desaprovou.

Guedes atuou como secretário municipal de defesa ao consumidor (Procon), mas deixou o cargo em abril deste ano para concorrer ao pleito de 2020. A frente da Secretaria, ele afirmou que seu maior legado foi o enfrentamento ao que chamou de ‘cartel dos combustíveis’, uma das bandeiras que segue carregando.

Leia mais: Rodrigo Guedes, ex-Procon Manaus, pede a prisão dos donos da Amazonas Energia

Ainda durante a entrevista, o agora vereador defendeu que a Câmara Municipal precisa deixar de ser ‘puxadinho’ da Prefeitura e que os vereadores devem ter altivez, trabalhar pelo povo e não pelo prefeito.

“Eu espero realmente que os próximos vereadores, os 40 além de mim que vão assumir dia 1º de janeiro, se dêem o respeito e que a Câmara não mais funcione como um puxadinho da Prefeitura de Manaus. É um poder independente, e não pode funcionar assim. Eles precisam dessa consciência”, argumentou.

https://pt-br.facebook.com/portalamazonas1/videos/vb.1551160394910935/3667629039927015/?type=2&theater

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading