MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Ex-deputado Roberto Jefferson é preso pela Polícia Federal

O ministro Alexandre de Moraes autorizou a prisão de Roberto Jefferson, além do bloqueio de conteúdos postados em suas redes sociais
Da Redação – Portal AM1*
• Publicado em 13 de agosto de 2021 – 08:49
Roberto Jefferson
Foto: Reprodução

RIO DE JANEIRO – Aliado do presidente Jair Messias Bolsonaro (sem partido), o ex-deputado e presidente nacional do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) foi preso na manhã desta sexta-feira (13), pela Polícia Federal, que cumpriu mandato de prisão preventiva ao ex-parlamentar. Jefferson foi preso dentro das investigações contra as milícias digitais, acusadas de ataques contra a democracia.

A prisão foi autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Superior (STF), Alexandre de Moraes. Além da prisão, Moraes determinou, ainda, o bloqueio de conteúdos postados por Roberto Jefferson em rede sociais, apreensão de armas e acesso a mídias de armazenamento.

Recentemente, Roberto postou em suas redes sociais, um vídeo com armas em que fazia ameaças ao embaixador da China no Brasil, Yang Wanming. Na ocasião, Jefferson chamou o embaixador de “macaco e que ele era “xing ling”, expressão usada no país para produtos chineses de baixa qualidade ou falsificados.

Leia mais: Roberto Jefferson aparece armado xingando embaixador chinês de ‘macaco’

Ainda nesta sexta, Roberto Jefferson fez uma publicação no Instagram que aparecem os ministros do STF. Na legenda ele escreveu a seguinte mensagem: “Caldo de urubu com chicória.”

Jefferson postou numa rede social que a PF chegou a fazer buscas na casa de parentes pela manhã. “A Polícia Federal foi à casa de minha ex-mulher, mãe de meus filhos, com ordem de prisão contra mim e busca e apreensão. Vamos ver de onde parte essa canalhice”, escreveu Roberto Jefferson.

(*) Com informações G1

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap