MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

FAB realiza operação contra tráfico de drogas nas fronteiras

• Publicado em 27 de março de 2017 – 13:23

A operação Ostium se estende por 8.500 quilômetros: desde as regiões de fronteira de Mato Grosso do Sul ao Rio Grande do Sul.

“Estamos tentando levar a zero o índice de ilícitos por meio aéreo numa vasta área de fronteira”, afirmou o Chefe do Estado-Maior Conjunto do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), Major-Brigadeiro do Ar Ricardo Cesar Mangrich.

As missões da megaoperação devem continuar até o fim de 2017, envolvendo a instalação temporária de radares móveis em cidades próximas às fronteiras, como Chapecó (SC) e Corumbá (MS). As aeronaves militares ficarão posicionadas em cidades como Cascavel (PR), Foz do Iguaçu (PR) e Dourados (MS).

Um dos principais instrumentos da Operação Ostium é o avião-radar E-99, aeronave da Embraer que possui mecanismos de transmissão e recepção criados para rastrear aviões de pequeno porte voando devagar e a baixa altitude. Radares em solo têm dificuldades para encontrar aviões nessas condições.

Além dos aviões-radar E-99, participam da operação de vigilância as aeronaves de ataque A-29 Super Tucano, e de reconhecimento R-35A e RA-1, aeronaves remotamente pilotadas (ARP) RQ-450 e os helicópteros H-60 Black Hawk e AH-2 Sabre.

Diversos tipos de aeronaves estão sendo usados no combate aéreo ao narcotráfico (Foto: Rodrigo Grando/TV Morena)

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap