MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Mais uma vez, vacinação é suspensa por falta de doses em Manaus

Após garantir que a vacinação continuaria durante esta semana, a Semsa anunciou a falta de doses para a imunização
Beatriz Araújo – Portal Amazonas1
• Publicado em 16 de agosto de 2021 – 12:20
Foto: Camila Batista / Semsa

MANAUS, AM – Mais uma vez, a vacinação contra a covid-19 está suspensa em Manaus, e, diante da situação que se repete, a justificativa da Prefeitura de Manaus é falta de doses da vacina Pfizer, destinadas para o público entre 12 a 17 anos; expectativa é que a capital receba uma nova remessa de doses ainda nesta segunda-feira (16).

Na última semana, o prefeito David Almeida (Avante) anunciou a abertura da nova fase de imunização, desta vez, para adolescentes entre 12 e 17, com e sem comorbidades. A campanha de vacinação do público iniciou na quinta-feira e se estendeu até sábado (14).

Leia mais: Mesmo sem imunizantes, David anuncia retorno da vacinação e nova faixa etária

Durante o fim de semana, devido à grande procura, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) emitiu uma nota garantindo que a campanha iria se estender até que todos estivessem imunizados.

Porém, a pasta caiu em contradição e anunciou a paralisação da vacinação para os adolescentes. Segundo a nota divulgada pela Semsa, no domingo (15), a suspensão é reflexo da alta demanda da população que compareceram nos postos durante o fim de semana, assim o estoque de vacinas da Pfizer chegou ao fim. Ao todo, foram 87 mil pessoas vacinadas no último fim de semana.

A expectativa da Semsa é que as aplicações de primeira dose da vacina sejam retomadas na próxima terça-feira (17), com a chegada de uma nova remessa do imunizante.

Essa não é a primeira vez que a pasta entra em contradição sobre o cronograma de vacinação. Ainda no mês de julho, a vacinação foi suspensa por falta de vacinas, outras vezes por atraso nos imunizantes e também por decisão judicial contra os casos de fura-filas.

Segundo a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas-Dra Rosemary Costa Pinto, já foram disponibilizadas e retiradas 121.680 doses de Pfizer para Manaus.

Já as aplicações das segundas doses de CoronaVac e de AstraZeneca, não terão interrupção e serão oferecidas normalmente.

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: facebook, instagram e twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap