MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

‘O Congresso é um atraso de vida’, dispara Fernando Haddad

Sobre o semipresidencialismo, Haddad afirmou que após a vitória da democracia em 2022, podem ver o que é melhor para o Brasil
Da Redação – Portal AM1*
• Publicado em 21 de julho de 2021 – 11:50
Foto: Marlene Bergamo / PT

SÃO PAULO, SP – O ex-prefeito de São Paulo e candidato à presidência em 2018, Fernando Haddad comentou que o Congresso Nacional é um atraso de vida. Além disso, em entrevista à Uol, ele afirmou que os partidos de centro governam o Brasil.

“Centrão hoje está no paraíso, no que entendem. Agora o projeto é deles, eles estão desenhando o país à sua imagem. Depois de tudo que remamos, onde fomos parar? Na praia do passado que queríamos ter superado. De coadjuvante virou ator principal. Ciro Nogueira, Arthur Lira, Ricardo Barros… Essa gente que está mandando no país ou não? Eles vão estar na base de Bolsonaro até o fim”, disse Haddad. “Eu apostaria inclusive que Bolsonaro deve se filiar ao PP”, disse no bate-papo.

Leia mais: Michel Temer afirma que presidencialismo esgotou no Brasil: ‘sistema esfarrapado’

Durante a entrevista, Haddad ainda comentou sobre o sistema do semipresidencialismo, que vem sendo citado na Câmara. “Se a democracia vencer em 2022, podemos refletir qual modelo moderno é possível no país. O Congresso é um atraso de vida, então qual é a modernidade possível? Qual o próximo desenho de governo? Se a democracia perder é daqui para pior. Imagina a arrogância de Bolsonaro, o que não vai fazer”, afirmou.

Em relação ao sistema, ele disse que o semipresidencialismo não tem relação com o Congresso. “Não gosto de solução parlamentarista no Brasil, acho que a escolha plebiscitária do chefe é uma forma de dialogar de forma adequada”, apontou.

(*) Com informações da Uol

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap