Adolescente vestido de Homem-Aranha agride suspeito de pedofilia

Denúncias, sugestão de matérias e outros assuntos

12 de julho de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

Adolescente vestido de Homem-Aranha agride suspeito de pedofilia

O garoto contou aos policiais que se passou por uma menina de 14 anos em uma rede social, marcou o encontro e cometeu as agressões porque a vítima seria um pedófilo.

Adolescente vestido de Homem-Aranha agride suspeito de pedofilia
Foto: Reprodução

Um adolescente de 15 anos foi apreendido após agredir um suspeito de pedofilia em Joaçaba, Santa Catarina. O jovem se passou por uma garota de 14 anos e manteve conversas com o homem no WhatAapp. De acordo com a Polícia Militar, a ocorrência foi registrada na noite de sábado (23).

Foto: Reprodução

Por volta das 9h, o rapaz encontrou o suspeito de pedofilia na praça Adolfo Konder, no Centro. Vestindo uma máscara do Homem-aranha, ele passou a agredir o homem, que pediu socorro. A PM foi chamada e encontrou a vítima das agressões ferida.

O homem disse que estava na praça e que foi agredido por um rapaz com uma máscara de Homem-aranha. O adolescente foi localizado pelos policiais militares. Com ele, foram encontrados a máscara, dois canivetes e duas tonfas retráteis. Uma soqueira com lâmina usada nas agressões também foi encontrada nas imediações.

O garoto contou aos policiais que se passou por uma menina de 14 anos em uma rede social, marcou o encontro e cometeu as agressões porque a vítima seria um pedófilo. O homem foi atendido pelo Corpo de Bombeiros Militar e, após ser atendido no hospital, foi levado junto com o menor para a delegacia.

O menor entregou para o delegado de plantão um pendrive com todas as conversas com o suposto pedófilo. A Polícia Civil investiga o caso.

*Informações retiradas do RICTV Record

Amazonas1 TV

Publicado por Amazonas1

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias