Manaus, 29 de maio de 2024
×
Manaus, 29 de maio de 2024

Cenário

‘Relação entre Coronel Menezes e Bolsonaro está estremecida’, revela Péricles

O deputado estadual diz que a amizade entre os compadres já não é mais a mesma por conta das confusões envolvendo Menezes e a cúpula do Partido Liberal no Amazonas.

‘Relação entre Coronel Menezes e Bolsonaro está estremecida’, revela Péricles

(Foto: Divulgação/Assessoria/Coronel Menezes)

Manaus (AM) – O deputado estadual Delegado Péricles (PL) afirmou, nesta semana, que “a relação entre Coronel Menezes (PP) e o ex-presidente Bolsonaro (PL) está estremecida”.

Segundo Péricles, a amizade entre os compadres já não é mais a mesma por conta das confusões envolvendo Menezes e a cúpula do Partido Liberal no Amazonas.

O anúncio de Coronel Menezes informando que não recepcionará Bolsonaro em Manaus, nesta sexta-feira (3), fortalece ainda mais a versão de Péricles de que a relação entre Menezes e Bolsonaro, de fato, está abalada.

Péricles afirma que Menezes decidiu sair do PL após ter ficado chateado por entender que não seria viável sua candidatura majoritária pela sigla nas eleições deste ano.

A escolha de Capitão Alberto Neto (PL) teria partido única e exclusivamente de Bolsonaro durante uma reunião em Brasília que contou com a presença do presidente estadual do partido, Alfredo Nascimento.

Isso retirou Menezes da jogada e o deixou no banco de reservas para uma possível disputa como vice – o que gerou insatisfação em Menezes e impulsionou a sua saída da sigla.

Por outro lado, Menezes insinuou, por diversas vezes, que o PL estaria fechado com o atual prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), e chegou a lançar, recentemente, uma aposta de que Alberto desistirá de concorrer à eleição por não ter apoio suficiente para vencer.

O Portal AM1 procurou Menezes nesta sexta-feira (3) para comentar a declaração de Péricles a respeito da relação com Bolsonaro. Até a publicação desta matéria, não houve retorno.

Ontem, Menezes disse, por meio de sua assessoria, que “Bolsonaro está acima de diferenças partidárias”.”Ele é meu amigo há mais de 40 anos e será sempre a minha maior referência política, quem me inspira”, destacou.

LEIA MAIS: