Manaus, 27 de maio de 2024
×
Manaus, 27 de maio de 2024

Cenário

Sassá defende Wilson Lima, mas não engole Roberto Cidade

Sassá esteve em evento ao lado de David Almeida, no qual atacou o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas.

Sassá defende Wilson Lima, mas não engole Roberto Cidade

Os episódios aconteceram nessa segunda e terça-feira na CMM (Foto: Robervaldo Rocha – Dircom/CMM)

Manaus (AM) – O vereador Sassá da Construção Civil (PT), que foi visto ontem (14) fazendo defesa ao governo de Wilson Lima (União Brasil), durante Sessão Plenária da Câmara Municipal de Manaus (CMM), apareceu em evento ao lado do prefeito David Almeida (Avante) nesta quarta-feira (15) criticando os pré-candidatos que disputam o comando da Prefeitura de Manaus.

“Um só sabe falar mal dos outros nas redes sociais, o outro nunca trouxe recursos para Manaus, o outro é presidente da Assembleia [Legislativa]; mas só sabe mentir para o povo e não faz porra nenhuma!”, disparou Sassá.

Além de David Almeida, os outros pré-candidatos que disputam o pleito municipal neste ano são os deputados federais Amom Mandel (Cidadania) e Capitão Alberto Neto (PL), Marcelo Ramos (PT) e o deputado estadual Roberto Cidade (União Brasil), que inclusive é a aposta do governador Wilson Lima.

Roberto Cidade e David Almeida têm trocado farpas, principalmente via redes sociais, e buscam o confronto por apoio político e reforços na pré-campanha.

Vale ressaltar que a aliança política entre David e Wilson sofreu racha e o pivô dessa separação foi o anúncio do apoio de Wilson Lima à candidatura de Roberto Cidade, que quer deixar a presidência da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) para comandar a cidade de Manaus.

Com essa configuração, o petista Sassá da Construção Civil se confunde sobre qual senhor quer servir.

Sassá ontem

Sobre críticas de vereadores ao governo de Wilson Lima, Sassá rebateu dizendo que não fala mal do governador, mesmo que sua base aliada não goste dele.

“Não vou falar mal do governador, aqui, mesmo que a base dele não goste de mim, eu gosto do governador. Porque ele foi uma pessoa que passou por um momento mais difícil aqui nessa Casa. Tinha colega nosso chamando o governador de ladrão, tinha colega nosso chamando o governador de bandido e, hoje, está ao lado do governador!”, disse Sassá na CMM.

Ele contestava uma acusação do vereador Dione Carvalho (Agir) sobre a ‘má gestão’ estadual na área da saúde.

 

LEIA MAIS: