Manaus, 24 de maio de 2024
×
Manaus, 24 de maio de 2024

Cenário

Vereadores querem agradar Tadeu de Souza para amenizar atrito com David

Conforme informações de bastidores, a honraria ao amigo do prefeito seria uma tentativa de demonstrar que está "tudo bem" entre a Casa e Executivo municipal.

Vereadores querem agradar Tadeu de Souza para amenizar atrito com David

(Fotos: Mauro Pereira/Dicom/Ricardo Machado)

Manaus (AM) – O vice-governador do Amazonas, Tadeu de Souza (Avante), vai receber uma medalha de honra na Câmara Municipal de Manaus (CMM), a ‘Medalha de Ouro Adriano Jorge’. A indicação do nome de Tadeu à homenagem é de autoria do vereador Eduardo Assis (Avante), parlamentar que faz parte do grupo aliado do prefeito David Almeida (Avante).

Conforme informações de bastidores, a honraria ao amigo do prefeito, aprovada por unanimidade pelo Parlamento municipal, nessa quarta-feira (3), seria uma tentativa de demonstrar que está “tudo bem” entre as partes (Legislativo e Executivo).

Mas vale destacar que, nessa quinta-feira (4), o presidente da Casa, vereador Caio André, se filiou ao União Brasil, partido liderado pelo governador Wilson Lima (UB), que não apoiou David Almeida para disputar a reeleição para o Executivo municipal e escolheu Roberto Cidade (UB), desafeto político de Almeida.

Caio André assumiu publicamente a oposição ao prefeito no dia da pré-candidatura de Roberto Cidade para o cargo majoritário, realizada no dia 25 de março, e apesar de não ter votado pela aprovação do projeto, já que é presidente da Casa e só vota se houver empate, o vereador disse “sim” para homenagear o amigo de David Almeida.

Caio André também assinou a CPI da Semcom na última segunda-feira (1°) para investigar a suspeita de um esquema de caixa 2 na Secretaria Municipal de Comunicação, caso esse amplamente noticiado país afora.

Mas esse ato [medalha de honra] não envolve somente essa questão, pois ao migrar para o União Brasil, Caio André pode “estar querendo” agradar o líder do grupo político ao qual pertence agora, Wilson Lima, e para que isso não fique tão claro, a Câmara resolveu homenagear o vice do mandatário.

Procurado pelo Portal AM1 e questionado se teria alguma influência na homenagem a Tadeu, já que este é filiado ao Avante, o presidente da CMM afirmou que possui uma execelente relação com o vice-governador, mas não teve qualquer influência sobre a referida homenagem, nem na autoria e muito menos na tramitação: “penso ser uma justa comenda!”.

Confira o texto do projeto na íntegra:

 

 

LEIA MAIS: