MENU

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Bolsonaro afirma que “se não tiver voto impresso não vai ter eleição em 2022”

Presidente declarou em live que está na hora do Brasil resgatar a cédula de votação para evitar fraudes nas eleições.
• Publicado em 07 de maio de 2021 – 08:56
Foto: Agência Brasil

BRASÍLIA, DF  –  O presidente Jair Bolsonaro fez um comentário incisivo sobre a volta do voto impresso durante uma live em suas redes sociais na noite desta quinta-feira (6). “Se o Parlamento brasileiro, por maioria qualificada, por 3/5 da Câmara e no Senado, aprovar e promulgar, vai ter voto impresso em 2022 e ponto final. Vou nem falar mais nada, vai ter voto impresso. Porque se não tiver voto impresso é sinal de que não vai ter eleição, acho que o recado tá dado. Não sou dono da verdade, mas eu respeito o Parlamento brasileiro assim como eu respeito o artigo quinto da Constituição”, disse.

Leia mais: Bolsonaro encaminha ao Senado operação de crédito para micro, pequenas e médias empresas

O presidente defende a tese de que o voto eletrônico não é seguro e pode gerar fraude. “Quem acha que não tem fraude, porque está com medo do voto impresso? Quem quer uma democracia e quer que o voto valha de verdade, tem que ser favorável. Parabéns a Bia Kicis, autora do projeto e ao Arthur Lira. Quem for contra, ou acredita em Papai Noel ou tá do lado do Barroso, ou sabe que pode ter fraude e acha que irá se beneficiar”, afirmou o presidente.

O presidente do TSE criticou a proposta e defendeu que a volta do voto impresso seria um desastre. “Nós vamos criar o caos em um sistema que funciona muitíssimo bem”, disse o ministro Luis Roberto Barroso.

 

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap