MENU

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

‘Ele dizia que ia largar esposa para ficar com criança’, diz delegada sobre estuprador

O estuprador era vizinho da criança, no bairro Zumbi, zona leste de Manaus, e iludia a menina de 12 anos para cometer o crime
• Publicado em 30 de abril de 2021 – 18:01
estuprador
Foto: Erlon Rodrigues/Divulgação PC

MANAUS, AM – A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e Adolescente (Depca), coordenada pela delegada Joyce Coelho, titular da unidade policial, prendeu nesta sexta-feira (30/04), por volta das 11h30, um homem de 37 anos, em razão de sentença condenatória, pelo crime de estupro de vulnerável, praticado contra uma adolescente de 12 anos. O estuprador cometeu o crime em 2017.

Conforme a autoridade policial, a prisão foi realizada no bairro Zumbi dos Palmares, zona leste da capital. Segundo Joyce, a mãe da adolescente descobriu o crime e denunciou o estuprador na Depca.

Leia mais: Adolescente pede socorro e revela à tia que sofre estupro há 7 anos em Jutaí

“Ele morava perto da casa da vítima e consumou o ato sexual. Ele alegava que deixaria a esposa para ficar com a menina. Quando a mãe descobriu, veio à Depca e registrou um Boletim de Ocorrência (BO) contra o estuprador da filha”, detalhou a autoridade policial.

O mandado de prisão por sentença condenatória foi expedido no dia 29 de março de 2021, pela juíza Articlina Oliveira Guimarães, da 2a Vara Especializada em Crimes Contra Dignidade Sexual de Crianças e Adolescentes.

Procedimentos

O homem foi condenado a 10 anos de prisão pelo crime de estupro de vulnerável. Após os procedimentos cabíveis, ele será encaminhado à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.

*Com informações da assessoria

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap