Manaus, 24 de abril de 2024
×
Manaus, 24 de abril de 2024

Cenário

Ex-desafeto de Bolsonaro, Arthur diz que irá para ato na Paulista

Em 2020, no auge da pandemia de Covid-19, o então presidente Bolsonaro chamou o prefeito de "bosta" por abrir covas coletivas.

Ex-desafeto de Bolsonaro, Arthur diz que irá para ato na Paulista

(Foto: YouTube/Reprodução)

Manaus (AM) – O ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio (Sem Partido), confirmou que estará no ato promovido pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), na Avenida Paulista, neste domingo (25), em São Paulo.

Em 2020, no auge da pandemia de Covid-19, o então presidente Jair Bolsonaro (PL) ofendeu o prefeito de Manaus, que na época era Arthur Virgílio Neto. Durante reunião ministerial, o presidente chamou Arthur Virgílio de “bosta” por abrir covas coletivas para o enterro de vítimas da Covid-19.

Em nota, Arthur afirmou, na época, que os insultos de Bolsonaro representavam um verdadeiro “strip-tease moral” feito por quem não tinha a mínima condição de governar o Brasil.

 

 

Reviravolta

Durante a campanha eleitoral de 2022, o ex-prefeito se aliou ao antigo desafeto e declarou voto ao então presidente, na tentativa voltar ao Senado, mas não conseguiu ser eleito. Arthur chegou a doar R$ 1 mil transferido por Pix durante campanha de arrecadação organizada por bolsonaristas para ajudar o ex-desafeto.

LEIA MAIS: