Manaus, 23 de abril de 2024
×
Manaus, 23 de abril de 2024

Cidades

Homicídios caíram 22,3% em Manaus no 1º bimestre

Os investimentos para a aquisição de novos equipamentos, novos servidores e tecnologia, associados às ações em campo das Forças de Segurança, foram essenciais para o Estado alcançar esses números.

Homicídios caíram 22,3% em Manaus no 1º bimestre

(Foto: Carlos Soares SSP-AM)

Manaus (AM) – Os números de homicídios caíram 22,3% em Manaus, durante o 1º bimestre deste ano. De acordo com dados da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM), com a redução, a capital alcançou o menor quantitativo deste tipo de crime, em relação aos últimos 16 anos.

De acordo com o secretário da SSP-AM, coronel Vinícius Almeida, os investimentos realizados pelo Governo do Amazonas com a aquisição de novos equipamentos, novos servidores e tecnologia, associados às ações em campo das Forças de Segurança, que passaram a atuar de forma mais integrada, foram essenciais para que o Estado alcançar esses números.

“Esses números são reflexo do empenho das nossas Forças de Segurança, da Polícia Civil, Militar, que estão diariamente nas ruas. Estamos batendo recordes de apreensões e tudo isso reflete na segurança das pessoas. Não tenho dúvida que estamos no caminho certo e não vamos parar, tenham certeza disso”, afirmou Almeida.

Em números

Os números da SSP-AM mostram que a redução entre o 1º bimestre de 2023 e 2022, alcançou 14,18%. Este ano, a queda em relação ao ano anterior chegou a 22,31%.

Os números, conforme o acompanhamento realizado pelo Centro Integrado de Estatística (Ciesp), mostram, ainda, que fevereiro deste ano alcançou o menor número de homicídios dos últimos 16 anos. Até então, de acordo com os dados, os menores números haviam sido registrados em 2009, 2013 e 2023, quando foram registrados 46 crimes desta natureza para o mês em destaque.

Janeiro, também, apresentou redução histórica, alcançada em relação aos últimos sete anos.

Operação da SSP-AM

No início do ano, a SSP-AM deflagrou a operação Impacto, que visa a redução de crimes praticados em áreas mapeadas a partir de indicadores criminais. As ações contam com efetivo da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), com o apoio de equipes do Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e da Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop) da SSP-AM, responsável pelo emprego da tecnologia empregada na operação.

A operação já resultou na prisão de lideranças envolvidas com o tráfico de drogas em Manaus e no interior do Estado, como em Rio Preto da Eva (a 57 quilômetros de Manaus).

 

(*) Com informações da assessoria 

 

LEIA MAIS: