Manaus, 27 de maio de 2024
×
Manaus, 27 de maio de 2024

Cidades

Imagens mostram fogo e salas destruídas após rebelião em presídio de Itacoatiara

Os internos fizeram a rebelião após a suspensão da visitação de familiares.

Imagens mostram fogo e salas destruídas após rebelião em presídio de Itacoatiara

(Foto: Bruno Pacheco)

Itacoatiara (AM) – A rebelião feita por detentos, nesta terça-feira (9), na Unidade Prisional de Itacoatiara (UPI), a 270 quilômetros de Manaus, deixou salas e paredes do presídio destruídas.

Imagens obtidas pelo Login mostram os espaços queimados e quebrados. Em um dos pavilhões, as grades foram retiradas pelos presos.

Os internos fizeram a rebelião após a suspensão da visitação de familiares. A medida deixou presos e visitantes revoltados. Por volta de 10h, um tumulto na UPI iniciou e logo a confusão tomou conta dos ânimos.

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou que um reforço policial foi enviado para o município por meio 1° Batalhão de Choque (BPChoque) e da Companhia de Operações Especiais (COE).

A Seap esclareceu, ainda, que um procedimento administrativo será aberto para apurar as circunstâncias do caso.

Veja:

Entenda

A UPI fica localizada na estrada AM-010, zona rural de Itacoatiara. Segundo familiares dos detentos, a visitação aos presos só acontece a cada 15 dias.

Nesta terça, era a vez do pavilhão B receber as visitas, mas a não permissão da visitação de algumas pessoas aos presos motivou a confusão.

Os internos tacaram fogo em colchões e disparos de contenção chegaram a ser ouvidos. Familiares dos presos ficaram desesperados ao ouvir os disparos e perceber a fumaça no presídio.

O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) foi acionado para conter as chamas e cerca de 8 viaturas da Polícia Militar (PM) também estiveram no local.

Por volta de 13h, a equipe do Batalhão de Choque e COE chegou para reforçar o policiamento.

(*) Bruno Pacheco — especial para o Portal AM1

LEIA MAIS: