MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Justiça aceita denúncia e ex-secretário vira réu por roubo de ouro no Amazonas

Com isso, Samir Freire e mais seis pessoas viraram réus, após denúncia feita pelo MP-AM; desvios somam mais de R$ 18 milhões
Juliana Siqueira – Portal AM1
• Publicado em 05 de outubro de 2021 – 13:56
Justiça aceita denúncia contra ex-secretário suspeito de roubar ouro de garimpeiros no AM
Foto: Divulgação

Manaus, AM – A juíza Suzi Irlanda Araújo Granja da Silva, da 2ª Vara Criminal de Manaus, aceitou a denúncia feita pelo Ministério Público do Amazonas (MP-AM), contra o ex-secretário de Inteligência do estado, Samir Freire, acusado de roubar e desviar ouro ilegal de garimpeiros no Amazonas. Além dele, outras seis pessoas investigadas na Operação Garimpo Urbano também viraram réus.

A investigação foi deflagrada em julho deste ano pela Polícia Federal e pelo Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco). Samir foi preso suspeito de extorsão contra garimpeiros, além do roubo de cerca de R$ 18 milhões, fraude processual e organização criminosa.

Leia mais: Delegado preso pela ‘Garimpo Urbano’ faturou quase R$ 18 milhões em ouro

Durante as ações de fiscalização, os suspeitos ameaçavam os motoristas de caminhão, que transportavam ouro e outras mercadorias ilegais, e faziam o monitoramento deles com a estrutura da Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai).

Ainda de acordo com a decisão, a Justiça dá um prazo de 10 dias para que os réus apresentem suas defesas.

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap