MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Morre ciclista atropelado por ônibus da Expresso Coroado

O ciclista Saulo Ferreira estava internado há quase 20 dias, após ser atropelado por um ônibus; família diz que empresa não deu apoio
Da Redação – Portal AM1*
• Publicado em 01 de agosto de 2021 – 12:34
Morre ciclista atropelado por ônibus da Expresso Coroado
Foto: Reprodução

MANAUS, AM – O ciclista Saulo Alves Ferreira, de 33 anos, morreu, neste sábado (31), após ficar cerca de três semanas internado no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, zona Leste de Manaus. Ele estava na unidade de saúde desde o dia 13 de julho, quando foi atropelado por um ônibus da empresa Expresso Coroado enquanto pedalava na avenida Brasil, Compensa, zona Oeste.

A informação foi confirmada pelo Instituto Médico Legal (IML), por volta de 21h deste sábado. O velório está marcado para acontecer neste domingo (1º), com a presença da família, advogados de defesa, além de representantes de movimentos de ciclismo de Manaus.

De acordo com os familiares, além de Saulo ter sido ignorado no momento do acidente pelo motorista da empresa, a família não recebeu apoio durante os dia em que o ciclista esteve internado.

Leia mais: Expresso Coroado ignora pedido de ajuda para ciclista atropelado em Manaus, diz família

“A única mensagem que eu recebi deles foi eles perguntando como estava o quadro do meu filho, do quê que eu precisava. Eu falei que precisava de um hospital particular, que tenha mais recursos para o meu filho e eles se mantêm calados, em silêncio absoluto. Até agora, não tive nenhuma resposta”, contou a mãe da vítima, Socorro Ferreira, em entrevista ao Portal Amazonas 1.

Veja o momento do acidente:

Saulo passou por três procedimentos cirúrgicos, onde precisou colocar pinos externos para estabilizar os ossos. Ele também precisou colocar um dreno na cabeça, devido a um coágulo no cérebro.

Em nota, a Expresso Coroado informou que está apurando as causas do acidente e acompanha o caso. “A empresa esclarece que após a colisão o motorista parou o veículo e prestou os primeiros socorros”, disse.

O Portal Amazonas 1 entrou em contato com a empresa no dia 23 de julho, mas nenhum questionamento enviado foi respondido; espaço segue aberto para esclarecimentos.

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap