Suspeito de assaltar e matar idoso dentro de casa é preso

US - R$ 5,26

×

Suspeito de assaltar e matar idoso dentro de casa é preso

O suspeito foi preso após comparecer à sede da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd) para prestar esclarecimentos

Delegado Aldeney Goes (Divulgação)

Enderson Moreira de Souza, 26, foi preso nessa quarta-feira, 19, suspeito de matar um idoso de 63 anos, identificado como Orlandi Navegantes, em um assalto na residência da vítima, na rua Antônio Bulbol, no bairro Morro da Liberdade, na zona Sul de Manaus. O crime aconteceu no dia 7 de fevereiro.

Veja também: ‘Jesus’ é preso em Manaus suspeito de roubar igrejas na Cidade de Deus

A ação policial foi coordenada pelos delegados Aldeney Goes e Paulo Martins, titulares, respectivamente, da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd) e Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Pertences roubados da casa da vítima foram encontrados na casa do suspeito, segundo a polícia.

O homem foi preso após comparecer à sede da Derfd para prestar esclarecimentos sobre o caso. Conforme o delegado Aldeney, as investigações em torno do caso tiveram início quando a equipe da DEHS, após ser acionada, se deslocou até a casa do idoso, onde o corpo foi encontrado amarrado, com sinais de asfixia.

“Durante as investigações, os policiais civis da DEHS tomaram conhecimento que Enderson teria confessado, a pessoas próximas, a autoria do delito. Além do mais, pertences roubados da casa do idoso estavam guardados na residência do infrator. Diante disso, a equipe da DEHS decidiu ingressar com o mandado de prisão contra ele, que foi expedido terça-feira (18/02), pela juíza Sabrina Cumba Ferreira, no Plantão Criminal”, explicou o delegado Goes.

Ainda segundo o titular da Derfd, o homem compareceu à sede da especializada apenas para prestar depoimento, pois não tinha conhecimento da existência do mandado de prisão, e acreditava que seria liberado. Entretanto, após prestar esclarecimentos, Enderson recebeu voz de prisão.

O suspeito foi indiciado por latrocínio. Após os trâmites na Derfd, ele será levado para a audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona Sul da capital.

(*) Com informações da assessoria

Faça um comentário