MENU
Logo Amazonas Um
EMAIL REDAÇÃO
CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER

Receba conteúdos exclusivos no seu email.

SIGA O PORTAL AMAZONAS1

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Queiroga nega boatos de demissão: ‘não pedi e nem vou pedir’

Ministro disse que rumores sobre sua demissão fazem parte de uma "indústria de boatos"; ele diz que fica até quando o presidente quiser
Lucas Rodrigues – Portal AM1*
• Publicado em 02 de setembro de 2021 – 18:56
Marcelo Queiroga afirma que ainda está positivo para covid-19
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

BRASÍLIA, DF – O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, negou os boatos de que teria pedido demissão do cargo nesta quinta-feira (2). Em coletiva de imprensa, ele afirmou que não vai pedir demissão da pasta.

Segundo Queiroga, o que existe é uma “indústria de boatos” que pretende desestabilizar o governo, e disse não saber a quem interessa tal atitude. “Estarei aqui no Ministério da Saúde até o dia em que o presidente da República entender que sou útil à nação”, afirmou o ministro.

Leia mais: Covid-19: Queiroga diz que população adulta estará 100% vacinada até setembro

O ministro também reafirmou o avanço do processo de vacinação contra a covid-19 em todo o país, salientando que os avanços permitiram a queda no número de casos e óbitos pela doença.

“Assumi o ministério há cinco meses, em uma situação extremamente difícil provocada pela doença. Com o apoio dos ministros e as orientações do presidente, empreendemos uma das campanhas de vacinação mais bem-sucedidas do mundo. Vamos vencer a pandemia”, destacou.

Passaporte da vacina

Marcelo Queiroga também rechaçou a ideia de um “passaporte da vacina”, por considerar que a medida seria inútil. Queiroga diz que os comprovantes de vacinação seriam “inúteis”.

“Toda a população brasileira acima de 18 anos vai estar vacinada com a primeira dose em setembro, e com a segunda dose no final de outubro. Por isso, os passaportes são inúteis”, afirmou.

(*) Com informações da CNN Brasil.

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap