De verde e amarelo, Marcelo Amil diz que sumiço do vermelho não o afasta dos valores do PCdoB - Amazonas1
20 de outubro de 2020
Site auditado pelo
Manaus
23oC  33oC
Buscar

Redes Sociais

[email protected]

De verde e amarelo, Marcelo Amil diz que sumiço do vermelho não o afasta dos valores do PCdoB

Candidato pelo Partido Comunista do Brasil PCdoB), Marcelo Amil, busca ser prefeito de Manaus nas eleições deste ano

De verde e amarelo, Marcelo Amil diz que sumiço do vermelho não o afasta dos valores do PCdoB
Foto: Reprodução PCdoB

O candidato a prefeito de Manaus pelo Partido Comunista do Brasil (PCdoB), Marcelo Amil, surpreendeu ao divulgar sua marca de campanha eleitoral, o motivo: ausência da expressão comunista, do símbolo da foice e o martelo e, ainda, a troca da cor vermelha pelo verde e amarelo, cores que são atribuídas a partidos de direita e partidários do bolsonarismo.

Leia mais: Onze candidatos a prefeito de Manaus dão largada à campanha eleitoral neste domingo; veja a agenda

Procurado pela equipe de reportagem do Portal AM1 para saber o motivo de sumir com o vermelho e a foice, Marcelo Amil afirma que a mudança de cores é um movimento nacional nas candidaturas do PCdoB e que em “nada significa afastamento de nossas ideias ou valores”.

“Estes ideais e valores são espelhados em nossas propostas e nossas lutas. São elas que nos diferenciam das demais candidaturas, e ficam estampadas em todos os espaços que ocupamos, pois imprimimos sempre o olhar para as pessoas”, justifica Marcelo Amil.

Leia mais: Marcelo Amil e Dora Brasil formam chapa ‘puro-sangue’ do PCdoB em Manaus

#Movimento65

Criado no ano passado para atrair candidatos nas eleições de 2020 pelo PCdoB, o #Movimento65 buscou repaginar a marca do partido, eliminando ícones e simbolismos comunistas. “Com Movimento65, o PCdoB propõe um símbolo mais democrático, patriótico e popular, destinado a dar pluralidade à esquerda”, justifica o manifesto publicado no site do partido.

Para Marcelo Amil, a mudança das cores está presente em diversas candidaturas pelo país e que a decisão partiu das equipes de comunicação,  analisando, inclusive, caso a caso os locais de disputa.

“As cores de campanha foram escolhidas livremente pela equipe de comunicação considerando parâmetros estéticos. A mesma liberdade de criatividade vem sendo adotada pelas principais candidaturas do PCdoB no Brasil. Em POA e SPO, temos respectivamente, Manu e Orlando usando predominantemente o branco. Em BHZ, nós temos Wadson usando predominantemente o lilás. Já em Fortaleza, temos o candidato Inácio usando, predominantemente, o amarelo. Em outros locais, se fez a opção estética pelo vermelho”, afirmou.

Leia mais: Sem bens declarados, Marcelo Amil é o pré-candidato mais ‘pobre’ para prefeito de Manaus

COMENTÁRIOS

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio ou poste spam.

Cadastre-se em nosso newsletter

E fique sempre informado com as últimas notícias

Loading