MENU
Logo Amazonas Um

Copyright © Portal Amazonas1. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.

Omar Aziz admite prorrogar CPI ‘se tiver um fato novo’

Senador mantém entrega do relatório final para o dia 29, mas não descarta prorrogação
DA REDAÇÃO – PORTAL AM1
• Publicado em 14 de setembro de 2021 – 08:48
Omar cobra agilidade nas ações pela BR-319: 'não fizeram um metro ainda'
Foto: Reprodução

BRASÍLIA, DF – O presidente da CPI e senador pelo Amazonas, Omar Aziz (PSD), disse na manhã desta terça-feira (14) que pode abrir mão de entregar o relatório final da CPI no dia 29, como está previamente marcado. “Essa semana praticamente 3 ou 4 depoimentos só sobre Precisa; o Prevent Sênior é sobre tratamento precoce com denúncias que recebemos de profissionais da saúde que trabalham lá dentro. Muita coisa pode mudar, a CPI é movida por fatos, se tiver um fato novo, não espere o relatório no dia 29”, disse Aziz.

Leia mais: Alexandre Frota pede abertura de CPI para investigar facada de Bolsonaro

A intenção e a pressão por resultados indicam que a CPI entrou na reta final e Omar já fala em missão cumprida. “É dia 29, mas podem acontecer novos fatos e vamos ter que protelar, temos ainda mais de um mês de CPI, chegamos realmente ao final, tem muito pouco para investigar. Acho que cumprimos o papel, antigamente se falava em tratamento precoce, bula, descobrimos muita coisa, descobrimos que o Brasil nunca teve interesse em comprar vacina”, afirmou o senador.

Omar também estuda uma forma de pressionar órgão de controle e órgãos internacionais por resultado. “Vamos tentar fechar todas as arestas que tem. A segunda etapa seria levar aos órgãos contundentes, aos Poderes Judiciário e Legislativo, para que tomem as providências e a gente possa cobrar. Ontem, até se levantou em levar em Genebra o relatório da CPI, para que também possa tomar providência”.

Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Publicidade

Publicidade

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap