No 5° dia de buscas, família de paraquedista desaparecido oferece recompensa de R$ 10 mil

Amigos e familiares enfrentam dificuldades nas buscas, que se concentram no Distrito de Cacau Pirêra, próximo a Manaus
Da Redação – Portal AM1
Publicado em 19/04/2022 14:27
(Foto: Reprodução/ Instagram)

MANAUS – A família do advogado Luiz Henrique Cardelli, 33, desaparecido desde a sexta-feira (15), está oferecendo uma recompensa de R$ 10 mil para quem encontrar o advogado. Cardelli desapareceu após saltar de paraquedas e enfrentar uma tempestade em Manaus. O amigo e sócio do paraquedista, Leonardo Menezes, confirmou a oferta da família.

Menezes informou que amigos e familiares enfrentam dificuldades nas buscas, que se concentram na região do Distrito de Cacau Pirêra (a 18 quilômetros da capital), e estão pedindo apoio de ribeirinhos, canoeiros e pessoas que conhecem melhor a área.

Quem tiver qualquer informação que auxilie nas buscas pode entrar em contato com Leonardo pelo número: (92) 98138-8480.

Entenda o caso

Na última sexta-feira (15), 14 paraquedistas estavam em uma aeronave, 10 conseguiram pousar, mas quatro tiveram a rota de pouso desviada. Dois homens foram localizados e socorridos com vida em bairros da zona oeste da capital no mesmo dia.

A força-tarefa conseguiu localizar o corpo de uma paraquedista que estava desaparecida nesse sábado (16). Ana Caroline Silva tinha 27 anos.

Leia mais: Paraquedista Ana Carolina, que caiu no Rio Negro durante a chuva em Manaus, segue desaparecida

Buscas são intensificadas

Mais de 70 agentes das forças de segurança do Amazonas trabalham na busca ao paraquedista. A operação integrada ampliou a área de busca até a Ilha das Onças, nesta terça-feira. As equipes seguem adentrando áreas de mata, com equipes do Batalhão de Incêndio Florestal e Meio Ambiente (BIFMA).

As equipes atuam com aeronaves do Departamento Integrado de Operações Aéreas (Dioa), do Exército Brasileiro (EB) e Força Aérea Brasileira (FAB). Além disso, as buscas contam com embarcações do EB, Polícia Militar do Amazonas (PMAM), Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) e Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM).

Leia mais: Vídeo: Veja momento em que paraquedista é resgatado

As equipes seguem o rastro de equipamentos encontrados que possivelmente pertenciam ao paraquedista próximo à área do Cacau Pirêra (a 27 quilômetros de Manaus). No dia do incidente, o paraquedas foi encontrado pelas equipes.

Os agentes seguem o rastro dentro da área em que foi encontrado o paraquedas com a ampliação diária. Os homens que atuam nas buscas passaram a entrar em áreas de mata que estão alagadas.

Compartilhar:
Acompanhe em tempo real por meio das nossas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

+ NOTÍCIAS